BRASIL / POLÍTICA
  • (61) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Marco Feliciano usa mandato em benefício de suas empresas e igreja Marco Feliciano utiliza a cota parlamentar em atividades ligadas às suas empresas e emprega pastores da congregação dele

Helena Mader

Publicação: 09/03/2013 06:09 Atualização: 11/03/2013 17:18

 (Bruno Peres/CB/D.A Press - 7/3/13)


O deputado e pastor Marco Feliciano (PSC-SP), que esta semana assumiu a presidência da Comissão de Direitos Humanos e Minorias (CDHM) em meio a uma saraivada de críticas, usou o mandato parlamentar em benefício de suas empresas e das atividades de sua igreja. Além de destinar verbas públicas para seus negócios particulares, ele paga salário a um funcionário fantasma, que na verdade trabalha em um escritório de advocacia de Guarulhos. Essa firma recebeu R$ 35 mil da cota parlamentar do deputado desde que ele tomou posse. Feliciano também repassou recursos públicos ao escritório de outro advogado, que o defendeu em um processo eleitoral às vésperas do pleito. O gabinete 254, no Anexo 4 da Câmara, é quase uma filial da Assembleia de Deus Catedral do Avivamento: o presidente da Comissão de Direitos Humanos e Minorias emprega cinco pastores da congregação que ele preside, e ainda cantores de música gospel que trabalharam na gravação de seu CD. Além de deputado, pastor e empresário, Feliciano também é músico.

Personalidade de sucesso no mundo gospel, e requisitado para palestras e pregações em todo o país, o parlamentar é dono de dois negócios: a Marco Feliciano Empreendimentos Culturais e Eventos Ltda. e a Tempo de Avivamento Empreendimentos Ltda. Em 2008, a primeira empresa foi contratada pela Nettus Criação de Eventos, uma firma gaúcha, para que o pastor se apresentasse em São Gabriel, no Rio Grande do Sul. Ele seria a grande estrela da festa, que reuniu ainda cantores e outros pastores evangélicos. A empresa contratante repassou o dinheiro a Feliciano, mas ele não compareceu. Os representantes da Nettus recorreram à Justiça e o processo se arrasta até hoje na 2ª Vara Cível da Comarca de São Gabriel. Os donos da empresa lesada pedem R$ 950 mil de indenização.

Leia mais notícias de Política

O advogado que representa a empresa de Marco Feliciano nesse processo, Rafael Novaes da Silva, é contratado pela Câmara. Ele assumiu a defesa do empreendimento depois que tomou posse no gabinete do pastor, em fevereiro de 2011. Antes de Rafael se tornar secretário parlamentar, a causa tinha outros dois advogados.

O defensor da empresa do pastor não é o único contratado da Câmara que presta serviços particulares ao deputado. Wellington Josoé Faria de Oliveira, conhecido como Well Wap, é secretário parlamentar da Câmara, mas produz todos os programas de televisão da empresa de Feliciano. O site de sua produtora, a Wap TV, tem mais de 420 vídeos encomendados pelo pastor. São orações, programas de televisão, entrevistas em que Feliciano explica suas posições de repúdio aos homossexuais, e até mesmo imagens de amigos desejando feliz aniversário ao congressista. Nada que remeta às atividades parlamentares.

Funcionário fantasma
Marco Feliciano foi eleito para sua primeira legislatura em 2010. Sua campanha custou R$ 226,3 mil. Na lista de doações eleitorais, nove repasses foram feitos por integrantes da família Bauer, totalizando R$ 9 mil. Depois que o pastor ganhou a eleição, o policial civil de São Paulo Talma de Oliveira Bauer conseguiu o cargo de chefe de gabinete do parlamentar. Daniele Christina Bauer, parente do policial, ganhou emprego com salário de R$ 8.040.

A filha de Talma, Cinthia Bauer, também doou recursos para a campanha de Feliciano e, logo depois, trabalhou como assessora de imprensa do deputado. Fez viagens Brasil afora com passagens emitidas com a cota do gabinete. A proximidade do pastor com os integrantes da família Bauer é tamanha que, em agosto do ano passado, Feliciano gravou dentro das dependências da Câmara um vídeo em que pedia votos para Cinthia, então candidata a vereadora de Guarulhos. Assim como todo o material audiovisual do parlamentar, o trabalho teve produção da Wap TV.

Mas o caso mais grave é o de Matheus Bauer Paparelli, neto do chefe de gabinete de Feliciano. Ele é secretário parlamentar, contratado pela Câmara em novembro do ano passado, e recebe R$ 3.005,39 mensais. Mas o jovem formado em direito dá expediente a 1.170km do Congresso: ele é funcionário do escritório Fávaro e Oliveira Sociedade de Advogados. Na manhã de ontem, o Correio ligou para a firma e foi o próprio Matheus quem atendeu o telefonema. Questionado se ele também era funcionário do gabinete do pastor Marco Feliciano, ele disse que a ligação estava ruim e desligou. Depois, não atendeu mais as chamadas. O escritório Fávaro e Oliveira recebeu R$ 35 mil da Câmara entre setembro de 2011 e setembro de 2012, por meio de repasses da cota parlamentar de Marco Feliciano. Ao todo, o pastor gastou R$ 306,4 mil de sua cota em 2012, valor bem próximo do limite permitido pelas regras da Câmara para os parlamentares paulistas, que é de R$ 333,2 mil.

Com verba pública
Confira alguns casos de funcionários lotados e de contratação de empresas pelo gabinete do deputado Marco Feliciano

» O advogado Rafael Novaes da Silva, contratado pelo gabinete da Câmara e pago com recursos públicos, defende a empresa Marco Feliciano Empreendimentos Culturais e Eventos, do próprio deputado, em um processo que tramita no Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul. Ele assumiu a causa depois de ter tomado posse como funcionário do gabinete.

» O produtor de tevê Welington José Faria de Oliveira é contratado da Câmara dos Deputados e recebe salário com recursos públicos. Mas trabalha como produtor de tevê dos programas pessoais do pastor Marco Feliciano, sob o codinome Well Wap.

» O policial civil e pastor Talma Bauer e sua família estão entre os que mais doaram recursos para a campanha do pastor Marco Feliciano. Depois da eleição, ele assumiu cargo no gabinete, assim como sua filha, Cinthia Brenand Bauer, que também doou recursos e depois foi nomeada como assessora. Há outras duas pessoas que são parentes de Talma Bauer contratadas pelo gabinete de Marco Feliciano.

» Matheus Bauer Paparelli, neto de Talma, é um funcionário fantasma do gabinete do deputado Marco Feliciano. Apesar de ser contratado pela Câmara com salário de R$ 3.005,39, ele dá expediente diariamente no escritório Fávaro e Oliveira Sociedade de Advogados, que fica em Guarulhos. A reportagem gravou uma conversa com ele, em que Matheus confirma que trabalha mesmo no escritório de advocacia. Essa empresa recebeu R$ 35 mil em recursos da Câmara dos Deputados entre setembro de 2011 e setembro de 2012.

» O deputado Marco Feliciano emprega cantores gospel que participaram da gravação dos seus CDs. Um deles, Roberto Marinho, afirma em sua página pessoal que a função dele como braço direito do pastor é acompanhá-lo “nas viagens de ministrações pelo Brasil e pelo mundo”.

» O advogado Anderson Pomini defendeu Marco Feliciano em um processo de impugnação contra a sua candidatura, antes das eleições. Depois de conseguir liberar o pastor para disputar o pleito, a empresa Pomini Advogados Associados recebeu R$ 21 mil em três repasses de R$ 7 mil, em fevereiro, março e abril de 2011, logo depois que Feliciano tomou posse.

Colaborou Leandro Kleber

Tags:

Esta matéria tem: (61) comentários

Autor: valdeci lima
O que funcionário fantasma? onde? quem? Feliciano háaaaa não acredito mesmo. | Denuncie |

Autor: valdeci lima
já vi que o negócio aqui no Brasil é ser pastor. simples assim | Denuncie |

Autor: Felippe Andrade
Quanto blá blá blá! Respeitem a CF!! É livre o pensamento. Foi eleito com 212 votos e pela comissão. Perderam a mamata de 11 milhões para as passeatas gays. | Denuncie |

Autor: Luiz Souza
Sou cristão (Não gosto da expressão evangélico: tá soando mal demais no Brasil, em linhas gerais) e NÃO CONCORDO com Pastor na Política ! Os genuínos e verdadeiros Pastores dedicam-se "exclusivamente" ao pastorado inclusive nas favelas, nos sertões, na floresta enfim estes são PASTORES DE VERDADE. | Denuncie |

Autor: José Júnior
Doda Persiro,evangêlico já foi sinônimo de comprometimento com Deus e com o próximo,hoje essa tal Teologia da Prosperidade acabou com o respeito que eles mereciam e ser evangélico virou sinônimo de egoísta, materialista, interesseiro e manipulador.Pastor então virou animador de auditório. Lamentável! | Denuncie |

Autor: VASCO VASCONCELOS
Onde já se viu Deputado querer acabar c/ a escravidão contemporânea da OAB (fim do caça-níqueis Exame daOAB)? Querer acabar com a reserva pútrida de mercado? Como vão viver os mercenários q abocanham extorquindo c/ altas txs q já chegaram R$ 250 enquanto q txs do Enem são apenas R$ 35? Acorda Brasil | Denuncie |

Autor: Ericmar Santos
Não é perseguição religiosa, esse cara não deveria nem ser cotado para assumir um cargo desses. | Denuncie |

Autor: joel duarte
Pastores evangélicos e LGBTs ! São os movimentos mais éticos deste país ! KKKKKKKKKK | Denuncie |

Autor: mario santos
Começou o golpe, esses pederastas não aceitam o contraditório e dizem que são excluidos. Brasil país de tolos. | Denuncie |

Autor: abedias da Rocha Barroso
O Excelentíssimo Deputado somente aprotas estas porque conta com a complacências de seus pares,o elegendo para Comissão. Estes exemplo depõem contra a instituição Câmara dos Deputados, como um todo, porque,mesmo com a gritariageral, o Excelentíssimo foi normalmente conduzido ao cargo. | Denuncie |

Autor: Joab Santos
Defender os interesses do seu eleitorado? tá bom... só o eleitorado dele que paga impostos? Tem que defender os interesses do povo brasileiro, com isonomia, clareza e ética... Não sei aonde está a ética nisso. Cadê a ética? Ainda declara que ninguém pode tocar nele porque é um "ungido de Deus"... sei | Denuncie |

Autor: Joab Santos
Fico impressionado como ainda há gente disposta a defender esse tipo de coisa. Afinal, foi chamado ao pastorado ou ao eleitorado? há muito não me impressiona que o reino buscado por esse tipo de gente é o reino da terra, onde o ouro e a prata (Mamon) é soberano e dita as regras... Hipocrisia pura... | Denuncie |

Autor: Marcio Rocha
OHHHHH! E qual deputado não faz isso no grande balcão de negócios que é o congresso? | Denuncie |

Autor: Zaion Brasil
UMA CARTA DIRIGIDA À NAÇÃO: %u201CGUERRA SANTA EM PLENO SÉCULO XXI%u201D? Amigos, participei de muitos eventos políticos desse Brasil, por direitos, por democracia. Entretanto, NUNCA me deparei com tamanha falta de insensatez parlamentar como agora. Está evidente que a bancada do PSC comprou a candid | Denuncie |

Autor: Erisvano Dias de Oliveira
Daqui a pouco ele esta orando e agradecendo a DEUS pelo dinheiro roubado. | Denuncie |

Autor: Eliel Mendes
Não vamos confundir alho com bugalhos. O deputado foi eleito para cuidar do povo e não ter seus familires cuidados com o dinheiro público. O que precisamos é aprender a escolher os nossos representantes. Não é porque é pastor que seria uma boa opção para se votar. Votar é consciência. | Denuncie |

Autor: Irair Paiva
"As criaturas de fora olhavam de um porco para um homem, de um homem para um porco e de um porco para um homem outra vez; mas já se tornara impossível distinguir quem era homem, quem era porco.%u201D George Orwell | Denuncie |

Autor: Saulo FR
Deve ser mais empresário da indústria FÉ S.A... | Denuncie |

Autor: DODA Persiro
Falar de um evangélico é fácil, quero ver é assumir a responsabilidade de se comprometer com Deus e o Próximo. | Denuncie |

Autor: Vando Duran
EU PRECISO PARAR DE LER NOTÍCIAS DO BRASIL, EU PRECISO FICAR ALIENADO DE TANTA PORCARIA QUE VEJO NESSE PAÍS DE TOLOS. BRASIL, UM PAÍS DE TOLOS E DE PETRALHAS. | Denuncie |

Autor: Vando Duran
Senhor, eu preciso ir embora desse país, eu não suporto mais ver tanto picareta, tanto canalha se dando bem aqui. O povo só elege picareta para representa-lo no congresso nacional. Eu preciso me aposentar e ir embora para sempre desse país! Senhor, ajuda-me a suportar tanta porcaria nesse Brasil. | Denuncie |

Autor: José Júnior
Há exceções, é claro! Alguns raros são tão ingênuos quanto seu "rebanho". Esses, de modo geral, são pobres. | Denuncie |

Autor: silva andre
Na administração do lago norte, está na mesma situação, um bando de pastor que não sabe nada na área administrativa pública, | Denuncie |

Autor: José Júnior
Pastor de igreja evangélica é um sujeito esperto o suficiente a ponto de ter absoluta certeza que o inferno não existe, mas tem lábia suficiente para reunir um monte de gente e fazê-los acreditarem no contrário e nisso, tira proveito dos ignorantes. | Denuncie |

Autor: NATANAEL ALMEIDA
Os meios de comunicação tem de ser mais imparciais, pois, o que estamos vendo é uma "mídia" tendenciosa e que leva o leitor a "aderir" a opinião auferida pelas suas reportagens. Só vemos acusações contra alguém e nada de ter o "contraditório" empregando a forma de levar o leitor a crer no que leu. | Denuncie |

Autor: ismar rios mendes
Que bom alguém que conhece a palavra de Deus está à frente de uma comissão tão importante como a de Direitos Humanos.Não se pode olvidar que a palavra de Deus traz garantia à dignidade da pessoa humana, entretanto não protege o pecado, mas ama o pecador. Que o pastor marcos possa lograr êxito . | Denuncie |

Autor: Graça Sousa
SÓ NO BRASIL MESMO!! É QUE SE ELEGE ESSE "TIPO" DE GENTE!!CULPA DE QUEM VOTA NESSES CORRUPTOS... | Denuncie |

Autor: Clariana Mendes Mendes
É apenas mais um vigarista, dentre tantos, eleito pelo voto popular. O Congresso nacional, está infestado de parasitas iguais a ele. | Denuncie |

Autor: Luiz Souza
É bom que isso seja muito bem apurado pois é ridícula a perseguição religiosa mas, se após apurado e ele for culpado, que seja cassado. DEUS É AMOR mas também é JUSTIÇA ! E a Justiça dEle começa pela casa dEle. | Denuncie |

Autor: paulo brito
não entendi nada essa reportagem, pois se o pastor foi eleito para defender os desejos do seguimento evangélico nada mais normal do que ele defender os interesses de quem o elegeu, e para trabalhar em cargos de confiança nada mais normal colocar pessoas de sua confiança para trabalhar com ele. | Denuncie |

Autor: Paullo Galvão
eu só queria entender, como um cara, não podemos chama-lo de cidadão, com esse pedigre, pode presidir uma comissão na camara. Meu QI está em decadencia! | Denuncie |

Autor: Virginia Mari Leitte
Tomara que moralize os "diferentes". Total apoio ao pastor deputado. | Denuncie |

Autor: Valquiria Camara
Prefiro não comentar!!!! | Denuncie |

Autor: Valdir Pereira Ramos Vasconcelos Gualaxo gualaxo
Ele seria a grande estrela da festa? Um idolo? Estaria tal seguimento religioso praticando idolatria? O que é idolatria? Realmente, as coisas mudaram muito. Já não há crentes como antigamente. | Denuncie |

Autor: Cesar Lins
Porque isso agora? Me parece "raivinha" dos LGBT... Cuidado, minha gente. Esse povo é vingativo... | Denuncie |

Autor: José Júnior
Por exemplo a Bíblia fazia algumas recomendações nada "amorosas" a respeito de adúlteras, mulheres menstruadas e leprosos. Será que esses pastores seguem as recomendações bíblicas nessas e em outras situações, ou só vale pro homossexuais? | Denuncie |

Autor: José Júnior
Sobre essa estória desses pastores serem homofóbicos eu gostaria de saber como eles sabem qual a parte do Antigo Testamento deve ser obedecida ipsis litteris e qual é apenas figura de linguagem. Por exemplo a Bíblia fazia algumas recomendações nada "amorosas" a respeito de adúlteras | Denuncie |

Autor: José Júnior
Eu não me impressiono com esses sábios "homens de Deus". Dizem que o capeta sabe a Bíblia de cor e a recita sempre que lhe convém. | Denuncie |

Autor: roberto duque
Em respeito ao Princípio Constitucional da Laicidade do Estado, bem que algum deputado corajoso, poderia propor P. L. que proíba representante de qualquer religião (pastor, padre, pai de stº etc.) a candidatar-se a cargo eletivo, pois é muito mais fácil e econômico escambar voto por lugar no céu!!! | Denuncie |

Autor: WILTON ARAUJO
OS VENDILHÕES DO TEMPLO: Jesus já nos alertou em Marcos 11:15 - "Chegaram a Jerusalém. Entrando ele no templo, começou a expulsar os que ali vendiam e compravam, e derrubou as mesas dos cambistas, e as cadeiras dos que vendiam as pombas." | Denuncie |

Autor: roberto duque
Graças à perseverança, lutas e muito sangue dos homens sensatos, conseguimos separar o "Poder da Igreja"( leia-se hoje todas as religiões), do poder estatal, agora o que vemos são representantes das igrejas com cargos nos Três Poderes do Estado.Estamos retrocedendo no tempo e isto é muito perigoso! | Denuncie |

Autor: silva andre
Secretaria de tRabalho do gdf..está cheio de pastores..uma vergonha | Denuncie |

Autor: Luiz Sergio
Regozijai-vos irmãos, pois grande é sua participação em toda essa orgia. | Denuncie |

Autor: silva andre
Na secretaria de trabalho do gdf, está na mesma situação, um bando de pastor que não sabe nada na área administrativa pública, ganhando salários em todos de 5 a 10 mil reais, uma vergonha nacional. até quando o MPDFT tolerá essa situação. São pastores que usam o povo de Deus...INTERVERSÃO JÁ NO GDF! | Denuncie |

Autor: Júlio Albuquerque
Eu tenho nojo de pessoas que misturam a má política com religião, dinheiro e preconceito. Hoje entendo o que a Bíblia diz sobre os "falsos profetas". | Denuncie |

Autor: Marcelo Domingues
Amem... | Denuncie |

Autor: Antônio Alencar
Países, como o Brasil, que têm um sistema de EDUCAÇÃO deficiente, estão sujeitos ao aparecimento de figuras como o Pastor-Empresário de igrejas, Feliciano. Infelizmente, os menos escolarizados, mais uma vez, são as maiores desses religiosos inescrupulosos. | Denuncie |

Autor: VASCO VASCONCELOS
O nobre Deputado Pastor Marco Feliciano é o Relator de 20 Projetos que pretendem abolir a escravidão contemporânea daOAB, ( fim do caça-níqueis Exame da OAB).Ele tem peito p/ enfrentar os mercenários q só tem olhos p/ os bolsos dos Bel. em Direito (Advogados). Fim do caça-níqueis Exame da OAB.BASTA. | Denuncie |

Autor: João Pedro
Isto a realidade de muitos deputados evangélicos, como foi com o Brunelli aqui no DF, usando o cargo pra se favorecer. Mas como em muitas igrejas o voto do cabresto impera, bota-se só pq é evangélico, ainda teremos muitos destes eleitos pra fazer o que estão fazendo. Acorda povo | Denuncie |

Autor: claudionor cruz da silva
Isso acontece porque o povo brasileiro e omisso e egoista. | Denuncie |

Autor: viviã silva
"Ele seria a grande estrela da festa" - SERIA UMA OVA, A ÚNICA E GRANDE ESTRELA QUE BRILHA É JESUS CRISTO SÓ ELE PODE BRILHAR, FORA ISSO É MALIGNO, SOU EVANGÉLICA MAS NÃO CONCORDO C ND DISSO TENHO VERGONHA DE PESSOAS CRISTÃS QUE ESCANDALIZAM A MISSÃO DA IGREJA!!! | Denuncie |

Autor: mauricio oliver
Sou evangélico graças a Deus, mas esse pastor esta caindo a mascara dele, a casa cai. | Denuncie |

Autor: John Moruba
Que lindo... E ainda tá na comissão? Nós perdemos as forças. O público só reclama, resmunga. Ninguém age. Nem eu... Mas só por enquanto. | Denuncie |

Autor: Elson viriato
A culpa não é dele em roubar, e sim, dos seus pares no congresso que o deixam roubar e fecham os olhos para a roubalheira do dinheiro público, e nada fazem, por terem o rabo preso também... SÓ FALTAM OS CULTOS NOS GABINETES... | Denuncie |

Autor: Jose Claudio Oliveira Filho
E daí vai acontecer o quê? NADA. A impunidade é total. O Congresso brasileiro é a casa da mãe Joana. Se pode fazer de tudo e nada acontece e ninguém é responsabilizado por nada. | Denuncie |

Autor: natan martins
Tem gente que não se conforma com a presidencia dele na CDH. Querem derrubá-lo... | Denuncie |

Autor: Waner Torres
Brasil, mostra a sua cara, quero ver quem paga pra gente ficar assim! Me recordou Vale Tudo! | Denuncie |

Autor: Val F.S
É ESSE CORRUPTO AÍ QUE VAI PRESIDIR A COMISSÃO DE DIREITOS HUMANOS??? ISSO SÓ PODE SER PIADA. | Denuncie |

Autor: Val F.S
MAIS UM QUE USA DO NOME DE DEUS E DE UMA IGREJA E DE UM MANDATO PARLAMENTAR PARA FAZER SUAS FALCATRUAS. ISSO É UMA VERGONHA. | Denuncie |

Autor: Cleonice Silva
Um congresso nacional que têm os presidentes da câmara e senado, pra lá de duvidosos, só podia acontecer isso. | Denuncie |

Autor: Júlio Albuquerque
Esse deputado se diz evangélico, mas trabalha com "fantasma". Eu tenho nojo de quem mistura a má política, religião e dinheiro e ainda usa o nome de Deus. | Denuncie |

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »
Termos de uso

Envie sua história e faça parte da rede de conteúdo dos Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.