política
  • (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

PPS quer apoio do PSB em outros três estados para as próximas eleições O principal nó da questão, entre as citadas unidades da Federação, é o Distrito Federal

Diário de Pernambuco

Publicação: 23/01/2014 21:05 Atualização: 23/01/2014 21:06

Com expectativa cada vez menor de se aliar ao PSB e SDB em São Paulo, o maior colégio eleitoral do país, o PPS espera, agora, contrapartidas dos socialistas em três estados - Maranhão, Amazonas e Distrito Federal, para manter apoio à candidatura presidencial do governador Eduardo Campos (PSB). O principal nó da questão, entre as citadas unidades da Federação, é o Distrito Federal. Nesse último caso, o PSB já tem a pré-candidatura posta do senador Rodrigo Rollemberg, liderança também defendida por Eduardo e Marina Silva, mas o PPS espera apoio à pré-candidatura da deputada distrital Eliana Pedrosa.

Quem fará a interlocução do PPS com o PSB para tratar do programa do governo e desses assuntos espinhosos é o vereador do Recife Raul Jungmann - escalado para a missão pelo presidente nacional da sigla, o deputado federal Roberto Freire (SP). Jungmann já foi ex-ministro da Reforma Agrária de Fernando Henrique e hoje é diretor da Fundação Astrojildo Pereira, a instituição de estudos e debates do PPS.

A indicação de Jungmann para a interlocução com o PSB nacional foi vista por lideranças socialistas de São Paulo com certo receio. O pós-comunista tem uma relação muito próxima com o PSDB nacional, com quem o PSB tem tido dificuldades em estados considerados fundamentais, a exemplo de São Paulo, para fechar alianças devido a pressões da Rede.

A escolha de Jungmann surgiu quase uma semana depois de o PPS ameaçar romper nacionalmente a aliança com Eduardo, caso o PSB não apoiasse a reeleição do governador Geraldo Alckmin. Ele negou, contudo, que tal gesto fosse acontecer, mesmo depois de o presidente do PPS em São Paulo, Davi Zaia, reforçar a mesma tese ontem ao Diario.

“Isso (o rompimento no Brasil por conta de São Paulo) não vai acontecer. Vou conversar com Carlos Siqueira (secretário-geral do PSB nacional) na próxima semana. Roberto Freire nos designou para falar pelo PPS sobre a colaboração do programa de governo e os seminários regionais que serão realizados pelo país. Nós estamos vendo também a possibilidade de contar com o apoio do PSB/Rede no Maranhão, no Amazonas e no Distrito Federal como contrapartida (por São Paulo)”, afirmou Jungmann, referindo-se, respectivamente, às pré-candidaturas de Eliziane Lins, Hissa Abrahão, Eliana Pedrosa.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »
Termos de uso

Envie sua história e faça parte da rede de conteúdo dos Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.

PUBLICIDADE



  • Últimas notícias
  • Mais acessadas