política
  • (14) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Intenção de votos de Dilma cai 6,7% e Aécio avança 4,6%, segundo pesquisa Na pesquisa estimulada, a presidente aparece com 37%, enquanto o candidato tucano tem 21,6%. Eduardo Campos tem 11,8%

Grasielle Castro - Correio Braziliense

Publicação: 29/04/2014 10:44 Atualização: 29/04/2014 11:54


Pesquisa do Instituto MDA encomendada pela Confederação Nacional do Transporte (CNT), divulgada nesta terça-feira (29/4), mostra uma arrancada de votos que os candidatos à presidência Aécio Neves (PSDB) e Eduardo Campos (PSB) ganharam frente à queda da presidente Dilma Rousseff (PT) - o que aumenta a possibilidade de segundo turno nas eleições de outubro. Segundo os dados, Dilma continua na frente, com 37% da intenção de votos estimulada, seguida de Aécio, com 21,6%, e Eduardo Campos com 11,8%.

Em comparação com a primeira pesquisa CNT/MDA, divulgada em fevereiro deste ano, houve uma queda significativa das intenções de voto para Dilma, que teve 43,7%, enquanto Aécio teve 17% e Campos 9,9% (Veja gráfico acima).

Leia mais notícias em Política

No caso de um segundo turno, Dilma também ganharia, seja com Aécio ou Campos. Contudo, o cenário mais apertado, segundo a pesquisa, é o que coloca Dilma frente a Aécio. Nesse caso, a presidente  receberia 39,2% dos votos e o candidato do PSDB 29,3%. Na última pesquisa, divulgada em fevereiro, Dilma ganharia o segundo turno com 46,6%, contra 23,4% de Aécio. 

Ainda segundo a pesquisa publicada hoje, se no lugar de Aécio fosse Campos, Dilma ganharia as eleições presidenciais com 41,3% frente aos 24% de votos do presidenciavél do PSB. Na última avaliação, a presidente ganharia com 48,7%, contra os 18% que o candidato do PSB receberia.

Avaliação do governo e desempenho pessoal

De acordo com a pesquisa, 32,9% dos entrevistados aprovam o governo de Dilma. O índice é menor que o da última pesquisa CNT/MDA, em fevereiro, quando o governo teve avaliação positiva de  36,4% da população. O governo Dilma foi avaliado como negativo por 30,6%. Na última avaliação, o percentual foi de 24,8%.

Em relação ao desempenho pessoal de Dilma é aprovado por 47,9%  do entrevistados.Em fevereiro, a aprovação chegava a 55%. Já o índice de desaprovação da presidente foi de 46,1%, frente aos 41% apontados na última avaliação

De acordo com a pesquisa, "a queda da avaliação da presidente Dilma pode ser considerada em função dos aumentos do custo de vida e da inflação e da percepção negativa da sociedade em relação aos serviços de saúde, educação, segurança pública e do emprego e renda. Além disso, também contribuíram a má gestão do governo e as denúncias associadas à Petrobras, que colocam a presidente como a grande responsável".

De acordo com o diretor executivo da CNT, Bruno Batista, a inovação dos dados foi que eles mostraram pela primeira vez uma arrancada mais forte da oposição, com migração de votos da Dilma principalmente para os dois candidatos Aécio Neves  e Eduardo Campos. Ele explica que  a conjuntura atual ajuda a explica a deteriorização na imagem da petista. "Em primeiro lugar, os índices sociais. Todos eles, saúde, educação, emprego, renda, tiveram queda acentuada. Isso acabou contribuindo somada a questão da consideração de que a Dilma, de certa forma, está associada a questão da Petrobras, e a má avaliação dela como gerente. Além disso, a inflação mostrou uma sinalização mais clara para a população. O conjunto desses dados explicam a queda da Dilma de fevereiro para cá", ressalta.

Apesar de indefinido, Batista destaca que há uma sinalização mais clara para o segundo turno. Na avaliação dele, a migração dos votos indica a insatisfação com o quadro social que contribui para que o eleitor comece a tomar mais ciência dos candidatos e a pensar em fazer uma escolha mais pensada. Para reverter os números, Batista sugere que o governe se prepare para dar uma resposta. "Os índices sociais estão bastante comprometidos. O governo vai ter que preparar uma resposta forte, rápida e convincente para tentar debelar essa tempestade que se aproxima com essa transferência de votos", pontua.

A Pesquisa CNT/MDA avalia os índices de popularidade do governo e pessoal da presidente Dilma Rousseff e dos outros candidtos que vão concorrer à presidência da República nas eleições deste ano. A pesquisa apresentou ainda a opinião da população brasileira a respeito da segurança pública, saúde, custo de vida, e os programas Bolsa Família e Mais Médicos. Assuntos como o caso da aquisição da refinaria de Passadena pela Petrobras também foram abordados.

Ao todo, 2.002 pessoas foram entrevistadas, em 137 municípios de 24 Unidades Federativas das cinco regiões, entre os dias 20 e 25 de abril de 2014.

Esta matéria tem: (14) comentários

Autor: luiz melo de sousa
colocar quem se o proprio lula era tido como o ético e provou que que não a prova é o mensalão o negócio ´r acabar com estas Petelhadas volltar a fazer os que eles sempre souberam fazer bagunça | Denuncie |

Autor: Glauco Fabri
otimo isso.. ainda existe esperança para o Brasil!!! pensei que iriamos continuar nesse período de trevas pra administração pública! | Denuncie |

Autor: marcelo mexicano
Aumento real de salarios para tdos os servidores publicos, qualquer agente de transito ganha 20 mil/mes, inflçação, as contas do governo não tem como fecharem, por masi que façam propaganda nao tem como esconder a roubalheira na petrobras, imaginem nas outras empresa publicas?, um dia o povo acorda | Denuncie |

Autor: Edila Lima
Estamos perdidos! Não há político bons, todos se corrompem pelo dinheiro e poder sem falar que todos são políticos profissionais, sempre mentiras na ponta da língua e promessas vazias. | Denuncie |

Autor: Maiko Silva
Não há uma pessoa que eu conheça que diga que votará na Dilma, embora eu saiba de pessoas que votaram nela em razão de políticas locais no interior do país. Entretanto, nunca participei de uma pesquisa e não conheço alguém que tenha participado. Não é à toa que dizem ser direcionadas e devem ser. | Denuncie |

Autor: gomes santos santos
Saia Logo Dilma... Lula se queimou indicando vc para a presidencia.... o Brasil esta um lixo so tem ladrao na politica | Denuncie |

Autor: Éder Aquino
Tomara que continue sempre assim em queda....!! Não aguento mais o PT "cruz credo".............!!! | Denuncie |

Autor: julio el cid
Até que enfim uma noticia boa! Sei que não existe político santo, mas tem horas que temos que escolher entre o menor dos males e acredito que o PT é o maior mal que nossa nação sofre. Além de serem desonestos, acima da média, não gostam de democracia. É a bagunça institucionalizada. | Denuncie |

Autor: Antonio Silva
Também, com esse governo péssimo, inflação, escândalos e manobras pra evitar CPI | Denuncie |

Autor: Joao Vale
VEJAM ISSO O FERNANDO COLLOR VEM AI? O VOCES DIZEM DESSE REFLÃO , ALO FUNCIONARIO PUBLICO SE CUIDEM COLLOR VEM AI COM OS 20 DEPUTADOS QUE DESEJAM A VOLTA DE LULA, AQUELE QUE IMPUTOU O DESCONTO PREVIDENCIARIOS AOS APOSENTADOS. | Denuncie |

Autor: Joao Vale
ISSO É CONTO DE CARROCHINA PARA CRIANÇA NINAR, ISSO NÃO PASSA DE MANIPULAÇÃO, DILMA ESTAR MAIS SUJA DO QUE POLEIRO DE PATO, NO DESFAUCO DA PETROBRÁS NINGUEM FALA POVO COM A MENTALIDADE CURTA, SÃO OS PIORES CEGOS, AQUELES QUE NÃO QUEREM VER,AVANTE OS DESPROVIDO DE MENTALIDADE. | Denuncie |

Autor: santos rabelo
Hoje no Estado Brasileiro tem muita gente que não quer trabalhar porque ganham cesta básica e outros beneficios. As profissões de Pedreiro, Eletricista, encanador, vaqueiro, servente estão acabando. Que o próximo governo incentive a produção e a geração de empregos, todas grandes nações geram emprego | Denuncie |

Autor: santos rabelo
Graças a Deus, está chegando a hora da mudança. Seja Aécio Neves ou Eduardo Campos. O que não da é continuar vendo a mídia divulgando escandá-los como o da PETROBRÁS. É muitos que recebem cesta básica, vale gás e outros beneficios não querer trabalhar. Quero para todos nós um País da dignidade .... | Denuncie |

Autor: celedome santos
Ainda está ganhando, mas os riscos aumentam e a presidenta precisa verificar esta situação. A polítaca economica/desenvolvimentista está ligada a ao resultado. Pra se livrar demita a Ministra do Planejamento, Mantega muda a economica.Demita também a q usou helicoptero em Santa Catarina.Aí muda tudo. | Denuncie |

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »
Termos de uso

Envie sua história e faça parte da rede de conteúdo dos Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.



  • Últimas notícias
  • Mais acessadas