política
  • (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Líder conversa com PMDB para escolher presidente da CPI da Petrobras Por ter a segunda maior bancada no Senado, o PT terá o direito de indicar o relator da CPI

Agência Brasil

Publicação: 30/04/2014 21:33 Atualização:

O líder do PMDB no Senado, Eunício Oliveira (CE), vai passar o feriado do Dia do Trabalho em Brasília conversando com seus colegas de partido sobre as indicações para a comissão parlamentar de inquérito (CPI) que vai investigar supostas irregularidades na Petrobras. Além do presidente, o PMDB terá direito de indicar mais três membros para a comissão.

Eunício já tem em mente a pessoa que considera ideal para a presidência da CPI, uma vez que o cargo caberá ao PMDB, por ter a maior bancada da Casa. “Eu já tenho o nome, mas eu quero consultar a pessoa para saber se ele aceita. Não posso anunciar o nome antes de saber se a pessoa vai aceitar a indicação”, disse hoje à Agência Brasil. O PMDB podia escolher entre a presidência e a relatoria e optou pela primeira.

Por ter a segunda maior bancada no Senado, o PT terá o direito de indicar o relator da CPI. Mais cedo, o líder do partido, senador Humberto Costa (PE), anunciou que o cargo ficará com o líder do governo no Congresso, senador José Pimentel (PT-CE). O partido já tinha se antecipado à possibilidade de o PMDB presidir os trabalhos da comissão e, por isso, o nome de José Pimentel para a relatoria já estava definido.

O presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), deu prazo até a próxima terça-feira (6) para que os partidos indiquem seus representantes na CPI da Petrobras. O PTB terá Gim Argello (DF) e o PR escolheu Antônio Carlos Rodrigues (SP). Pelo PT, os indicados serão o próprio líder Humberto Costa (PE) e Aníbal Diniz (AC), além do relator José Pimentel. O PSDB indicará Mário Couto (PA) e Álvaro Dias (PR).

Os nomes de oito membros que ainda faltam ser indicados devem surgir até o início da semana. A CPI da Petrobras vai investigar quatro denúncias de má gestão da companhia. Entre os principais pontos estará a compra da Refinaria de Passadena, nos Estados Unidos, que, segundo denúncia, foi comprada por valor muito acima do de mercado.
Tags:

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »
Termos de uso

Envie sua história e faça parte da rede de conteúdo dos Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.

PUBLICIDADE



  • Últimas notícias
  • Mais acessadas