política
  • (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

No Maranhão, seis candidatos disputam o voto de 4,5 milhões de eleitores O estado compõe mais de 66% da população estimada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) em 2013

Agência Brasil

Publicação: 29/07/2014 11:09 Atualização:

Seis candidatos disputarão nas eleições de outubro o comando do segundo maior estado do Nordeste e o oitavo maior do país. No Maranhão, onde o turismo é uma das principais atividades econômicas, o resultado da eleição para o governo do estado está nas mãos de quase 4,5 milhões de eleitores, mais de 66% da população estimada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) em 2013.

O advogado e professor de direito, Flávio Dino, do PCdoB, é um dos candidatos ao cargo. Aos 46 anos, Dino presidiu o Instituto Brasileiro de Turismo (Embratur) até março desse ano, e havia sido eleito deputado federal pelo estado em 2006. Nas eleições de 2008, o candidato disputou a Prefeitura de São Luís, sua cidade natal, e em 2010, o governo estadual, mas não saiu vitorioso em nenhuma das tentativas. Flávio Dino e seu vice na chapa, Carlos Brandão (PSDB), tiveram seus nomes aprovados pela coligação Todos pelo Maranhão, que tem apoio do Solidariedade, Pros, PP, PDT e PPS, entre outros.

O senador Lobão Filho (PMDB) está na disputa ao governo pela coligação Pra Frente Maranhão, que tem apoio do PT, DEM, PTdoB, PSL, PSC, PHS e PR. Engenheiro, nascido em Brasília em 1964, Lobão Filho se tornou senador quando seu pai, Edison Lobão, assumiu o Ministério de Minas e Energia, em 2008, e, novamente, em 2011. O candidato a vice-governador na chapa de Lobão Filho é o deputado estadual Arnaldo Melo (PMDB).

Pelo PSOL, o candidato Pedrosa e o vice professor Odivio disputarão o governo do Maranhão sem coligação. Nascido na capital, São Luís, Pedrosa tem 44 anos é advogado. Não há registros de outras candidaturas recentes de Pedrosa no Divulgacand, site da Justiça Eleitoral que reúne informações do pleito deste ano.

Professor Josivaldo é o candidato do PCB. Maranhense de São José do Ribamar, tem 47 anos. Em 2008, disputou uma vaga como vereador de sua cidade natal e, em 2010, tentou se tornar senador pelo estado, sem sucesso. Na mesma chapa, o estudante Francinaldo, 32 anos, também do PCB, é o candidato a vice-governador.

Leia mais notícias em Política

Outro professor na disputa é Saulo Arcangeli (PSTU), que também é servidor do Ministério Público da União. Nascido em São Luís, em 1971, Arcangeli já havia concorrido ao governo estadual em 2010, pelo PSOL. Dois anos depois, já filiado ao PSTU, tentou uma vaga na Câmara Municipal de São Luís. Nas duas disputas não foi eleito. Para o pleito deste ano, Saulo Arcangeli terá como vice na chapa a também funcionária pública Ana Paula Martins.

Aos 56 anos, o médico Zeluis Lago disputará o cargo máximo do Maranhão pelo PPL, com a advogada Cristiana Jansen, 37 anos, como vice na chapa. Natural de São Luís, Lago foi candidato a deputado estadual em 2006 e, em 2010, tentou uma vaga como deputado federal.

O eleitorado apto a votar no Maranhão foi calculado pela Justiça Eleitoral considerando títulos válidos nos 217 municípios do estado.
Tags:

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »
Termos de uso

Envie sua história e faça parte da rede de conteúdo dos Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.

PUBLICIDADE



  • Últimas notícias
  • Mais acessadas