política
  • (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

TSE autoriza seções eleitorais no exterior fora de embaixadas Com a decisão, 34 seções eleitorais serão instaladas fora das repartições do governo brasileiro em 20 países

Agência Brasil

Publicação: 01/08/2014 18:36 Atualização:

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) autorizou hoje (1º) a instalação de seções eleitorais fora das sedes das embaixadas e serviços consulares do Brasil no exterior. A mudança atende pedido do Ministério das Relações Exteriores e do Tribunal Regional Eleitoral do Distrito Federal, responsável pela votação fora do país.

Com a decisão, 34 seções eleitorais serão instaladas fora das repartições do governo brasileiro em 20 países. No Japão, o eleitor poderá votar em uma agência do Banco do Brasil, em Tóquio, por exemplo. A capital japonesa terá oito seções extras, o maior número entre todas as cidades do exterior que participarão do pleito.

Em 5 de outubro, data do primeiro turno, 355 mil eleitores brasileiros estarão aptos a votar no exterior. Quem está fora do país só vota para escolher presidente e vice-presidente da República. O prazo para o cadastramento de eleitores foi encerrado no dia 7 de maio.
Tags: eleição tse

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »
Termos de uso

Envie sua história e faça parte da rede de conteúdo dos Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.



  • Últimas notícias
  • Mais acessadas