Cunha chama Michel Temer e Lula como testemunhas de defesa

Os nomes das testemunhas constam na resposta de Eduardo Cunha à denúncia do Ministério Público Federal

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 02/11/2016 14:23

AFP
 

 

O ex-presidente da Câmara Eduardo Cunha listou o presidente Michel Temer (PMDB) e o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) como parte das 22 testemunhas de defesa em ação penal na Operação Lava Jato. Cunha foi preso preventivamente por ordem do juiz federal Sérgio Moro em 19 de outubro, em Brasília.

Os nomes das testemunhas constam na resposta de Eduardo Cunha à denúncia do Ministério Público Federal. Segundo a acusação, enquanto exercia a função de parlamentar, o ex-presidente da Câmara teria solicitado e recebido vantagem indevida relacionada à aquisição de um campo de petróleo em Benin feita pela Petrobras. Eduardo Cunha é acusado de corrupção, lavagem de dinheiro, evasão fraudulenta de divisas pela manutenção de contas secretas na Suíça que teriam recebido propina do esquema na Petrobras.


Confira a lista completa de testemunhas de defesa de Cunha
1 – Michel Miguel Elias Temer Lulia
2 – Felipe Bernardi Capistrano Diniz
3 – Henrique Eduardo Lyra Alves
4 – Antônio Eustáquio Andrade Ferreira
5 – Mauro Ribeiro Lopes
6 – Leonardo Lemos Barros Quintão
7 – José Saraiva Felipe
8 – João Lúcio Magalhães Bifano
9 – Nelson Tadeu Filipelli
10 – Benício Schettini Frazão
11 – Pedro Augusto Cortes Xavier Bastos
12 – Sócrates José Fernandes Marques da Silva
13 – Delcídio do Amaral Gómez
14 – Mary Kiyonaga (Funcionária do Banco Merril Lynch, Genebra)
15 – Elisa Mailhos (Funcionária do Banco Merril Lynch, Genebra)
16 – Luis Maria Pineyrua (Representante da Posadas&Vecino, Consultores Internacionales Inc.)
17 – Nestor Cuñat Cerveró
18 – João Paulo Cunha
19 – Hamylton Pinheiro Padilha Júnior
20 – Luís Inácio Lula da Silva
21 – José Carlos da Costa Marques Bumlai
22 – José Tadeu de Chiara

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.