Temer transforma jantar no Alvorada em encontro informal com aliados

Presidente recebe deputados e ministros para debater possíveis soluções para a crise atual do governo

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 21/05/2017 17:02 / atualizado em 21/05/2017 17:42

Evaristo Sá/AFP
 
O jantar com a base aliada, marcado pelo presidente Michel Temer para a noite deste domingo (21/5), no Palácio da Alvorada, se transformou em um evento menor e informal para receber os deputados. 
 
 
Como o aviso do jantar foi de última hora, enviado na manhã de hoje, parte dos líderes não poderiam participar por já estarem em seus estados. Compareceram ao Alvorada esta tarde os ministros da Justiça, Osmar Serraglio; e da Secretaria-Geral da Presidência, Moreira Franco; Além deles, o deputado Lúcio Vieira Lima (PMDB-BA) já chegou ao encontro. O ministro-chefe da Secretaria de Governo e o e da Casa Civil, Eliseu Padilha, Antônio Imbassahy, estiveram por lá, mas logo foram embora.

Com o objetivo de mostrar que ainda tem apoio apesar da crise, o encontro inicial foi marcado para as 19h30, a convite do ministro da Secretaria de Governo, Antonio Imbassahy. Agora, Temer espera a chegada dos convidados a partir das 18h.
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.
 
isidoro
isidoro - 21 de Maio às 17:54
Ninguém convidaria se não teria certeza da presença dos convidados em Brasília. Principalmente que sair de Brasília tem sido uma estratégia de muitos líderes e políticos. Agora não adianta ficar aparecendo como o anfitrião, pois o melhor caminho é chamar o convidado de honra, Henrique Meirelles, para que ele diga que a "música da reforma" não pode parar, senão o Brasil "dança" de vez.