Publicidade

Estado de Minas

Preso, Cabral é alvo de duas denúncias pela Lava-Jato no Rio

Cabral está preso desde o fim do ano passado, devido a investigações da Operação Lava-Jato, acusado de receber propina por obras durante a sua gestão


postado em 08/08/2017 08:59 / atualizado em 08/08/2017 09:11

(foto: Reprodução/Internet)
(foto: Reprodução/Internet)


O Ministério Público Federal (MPF) ofereceu duas novas denúncias contra o ex-governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral. Ele já responde a 12 processos na Justiça Federal.

As denúncias desta semana são um desdobramento da Operação Ponto Final, que investigou corrupção no sistema de transporte público do Rio de Janeiro, envolvendo a Federação das Empresas de Transportes de Passageiros (Fetranspor).

Cabral está preso desde o fim do ano passado, devido a investigações da Operação Lava-Jato. É acusado de receber propina por obras durante a sua gestão à frente do governo do estado, entre 2007 e 2014.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade