Maia: relator Bonifácio Andrada é qualificado e que tem mais independência

Maia elogiou a escolha do senador Bonifácio Andrada e Silva para relatoria da segunda denúncia de Temer

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 29/09/2017 15:35

Élio Sales/Divulgação
O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, afirmou nesta sexta-feira (29/9), no Rio, que será apenas o árbitro no julgamento da segunda denúncia contra o presidente Michel Temer. "Na primeira denúncia do presidente Temer e na segunda será igual, eu não sou candidato a assumir uma Presidência com base em uma denúncia, meu papel vai ser de presidente da Câmara, de árbitro desse processo, e de distância de qualquer posição contra ou a favor, é o papel que cumpri na primeira (denúncia) e é o papel que vou cumprir na segunda. Sou árbitro, estou fora desse debate", afirmou.

Ele elogiou a escolha do senador Bonifácio Andrada e Silva para relatoria da segunda denúncia de Temer, dizendo que entre todos os parlamentares "é o que tem mais independência para tomar a decisão".

"É um dos juristas mais qualificados do País, um homem que está no Congresso desde 79, não tem nenhuma mácula. Eu não tenho como avaliar se ele foi escolhido para fazer relatório a favor ou contra, eu tenho certeza que ele terá a independência necessária para fazer aquilo que a consciência mandar, pelos anos que convivo com ele na Câmara, nunca vi ele tomar uma decisão por pressão da sociedade, como ele é um constitucionalista, um jurista, ele poderá dar o voto dele contra ou a favor".
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.