FITNESS & NUTRIÇÃO

Folia saudável

Não é porque vai brincar ou viajar no carnaval que você deve relaxar na alimentação. Uma dieta equilibrada durante a festa pode evitar desidratação e problemas intestinais

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 25/02/2011 15:59 / atualizado em 26/02/2011 20:40

O carnaval, tradicionalmente regado a muita bebida alcóolica, marchinhas, frevos e sambas, em meio a confetes e serpentinas, é esperado com ansiedade por todos: os que pulam e os que aproveitam o feriado para descansar. Aos foliões, além de muito juízo e disposição, cabe tomar cuidado com o que vai comer. O excesso de exercício físico somado à alimentação desregulada e ao álcool pode resultar em desmaios, desidratação e infecções intestinais. A nutricionista Sônia Almeida lembra que manter a disciplina alimentar é importante. "Não é porque o feriado é prolongado que a rotina alimentar balanceada deve ser abandonada. Deve-se fazer pelo menos três refeições completas ao dia: café da manhã, almoço e uma leve."

Bruno Peres/CB/D.A.Press

A massagista Rosângela Martins, 35 anos, conta que pretende viajar para a praia durante o feriado, mas não vai relaxar a alimentação. Na preparação para a folia, ela tem feito uma dieta desintoxicante e anti-inflamatória. "O objetivo não é só perder peso, o principal é a saúde. No feriado, acabo a dieta desintoxicante e começo uma que estará de acordo com a minha realidade. Depois do carnaval, começo uma outra, adaptada ao meu cotidiano", explica. Segundo a massagista, a dieta de carnaval será adaptada ao local em que ela se encontra. "Como vou para a praia, comerei bastante peixe, salada e frutas, e tomarei bastante suco. Não será nenhum sofrimento, pois são alimentos típicos de praia e calor."

"Para garantir os quatro dias de carnaval com muita folia, deve-se preferir alimentos que ajudem a manter a resistência, sem pesar no estômago, como os frescos (frutas, legumes e verduras), e deve-se manter a regularidade de intervalos de três horas entre as refeições", explica a nutricionista Carina Tafas. Segundo ela, para quem pretende festejar o carnaval, a dica é comer carboidratos integrais, que dão energia para pular e dançar, e fugir das carnes gordas e frituras, que têm digestão lenta e acabam causando sensação de estufamento e moleza, prejudicando a mobilidade do corpo. Os carboidratos também ajudam a diminuir os efeitos do álcool.

Como durante a folia se passa muito tempo na rua, é importante prestar atenção no que vai comer para fugir de intoxicações alimentares. "Deve-se evitar os produtos de origem animal (carnes mal assadas, embutidos, maionese, etc.) e à base de leite (requeijão cremoso, molhos brancos, purês), além de prestar atenção na qualidade dos alimentos comercializados", aconselha Carina.

Sônia dá a dica para não sair da dieta. "Na hora do sufoco, faça escolhas inteligentes: opte por suco de frutas feitos na hora, barras de cereais com granola, picolés de fruta, espigas de milho cozido, que podem segurar a fome até mais tarde. Se puder, leve seu kit lanche: uma fruta, uma barra de cereal e alguns polenguinhos cabem em qualquer bolsa", recomenda.

Bebida calórica
Carnaval quase sempre é sinônimo de bebida alcoólica. Para Sônia, o melhor é evitá-las. "Considerando o calor, não existe bebida que substitua a água para hidratar o corpo. Pode-se alternar com água de coco para repor a perda de minerais pelo suor", ensina. "Quanto maior a quantidade de álcool ingerida, maiores são os prejuízos para a saúde, principalmente para o cérebro e o fígado, além de arruinar qualquer dieta, pois são muito calóricas", lembra Carina. E ela compara: um grama de carboidrato ou proteína contém 4 calorias, um grama de gordura carrega 9 calorias, enquanto um grama de álcool é responsável por 7 calorias.

Para os que não querem ficar longe do álcool, porém, é possível escolher bebidas menos calóricas. "As bebidas regadas a leite condensado e açúcar, como as batidas e caipirinhas, são uma bomba calórica e devem ser ingeridas com moderação. Um copo de batida de frutas e leite condensado pode conter até 500 calorias e meio copo da caipirinha feita com limão, cachaça e açúcar, 274 calorias", exemplifica Carina. A nutricionista conta que 355ml de Mojito (bebida cubana feita com rum branco, limão, hortelã, açúcar e Club Soda) tem 450 calorias. Já um copo de Cuba Libre (rum claro com refrigerante à base de cola e limão) com Coca-cola normal tem 190 calorias — e cai para 110 calorias se a bebida for feita com refrigerante light.

Uma garrafa long neck (355ml) de cerveja tem, assim como um copo de chope, em média 200 calorias. A mesma quantidade de champanhe ou proseco tem 300 calorias. "As bebidas fermentadas, como a cerveja, têm menor quantidade de álcool e de calorias do que as destiladas (uísque, gim, vodca e outras) e contêm pequenas quantidades de algumas vitaminas e minerais, como vitamina B6, niacina e folato", explica Carina. Para evitar a ressaca, a dica das nutricionistas é intercalar um copo de bebida com um de suco ou água e se hidratar o tanto quanto for possível. Rosângela conta que, em sua dieta de carnaval, estão incluídos alguns copos de cerveja. "Mas tomarei bastante suco e água nos intervalos."

Nas cinzas
Depois da folia, é hora de relaxar e dar uma folga para o corpo. A palavra de ordem é hidratação. "Muita água, água de coco e suco de frutas naturais são essenciais para a recuperação da ressaca. Além disso, as folhas verdes escuras ajudam na desintoxicação, por conta da quantidade de clorofila. Portanto, sucos que misturam folhas e frutas, ajudam a repor os nutrientes perdidos", lembra Carina. A dica de Sônia é abusar dos alimentos naturais, frescos e sem gordura e beber bastante água de coco, suco de açaí ou de frutas naturais.

Sucos desintoxicantes

Ingredientes
200g de melancia
1 maçã sem casca
Suco de 1 limão
1 folha de couve

Modo de preparar
Bater os ingredientes e tomar gelado. Beber duas vezes ao dia.

Ingredientes
1 talo de agrião
1 colher de sopa de salsinha
1 maçã
1 copo de água de coco ou água mineral

Modo de preparar
Bater todos os ingredientes no liquidificador. Beber duas vezes ao dia.

Também ajudam na recuperação…
- Suco de tomate
- Leite fermentado
- Suco de melancia
- Iogurte com frutas
- Canja de galinha sem gordura
- Mamão batido com aveia
- Boas horas de sono.
Fontes: nutricionistas Carina Tafas e Sônia Almeida

Como evitar a ressaca
- Não beber em jejum.
- Não misturar vários tipos de álcool. Ou seja, se começou com cerveja, vá até o fim.
- Intercalar álcool e água ou água de coco.
- Fazer uma refeição leve depois é fundamental. Não durma em jejum. Tome um suco ou coma uma fruta antes de dormir e evite café, pois potencializa a desidratação.
- Também é importante fazer uma refeição balanceada que contenha, por exemplo, arroz integral, frango grelhado, salada colorida (folhas, tomate, cenoura e chuchu com azeite de oliva) e um suco natural de frutas.
Fonte: Carina Tafas

Agradecimento: Vigilantes do Peso

Tags:
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.