BELEZA

Efeito fantasma

Todo cuidado é pouco na aplicação do pó compacto ou translúcido, produtos indispensáveis para o acabamento perfeito da maquiagem

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 14/06/2015 08:00 / atualizado em 12/06/2015 18:15

Reprodução da internet

Ele faz parte do acabamento e é fundamental para o bom resultado da maquiagem. O pó é muito popular, ganhou várias versões ao longo dos anos e, até hoje, há quem ainda tenha dúvida sobre como usá-lo. Em tese, o produto serve para diminuir a oleosidade e selar o make na pele. "Ele pode ser compacto para cobertura ou translúcido", afirma Juliana Schechin, maquiadora.

O pó translúcido já foi queridinho das celebridades, mas perdeu a popularidade porque exige certa habilidade de aplicação. "Ele é muito branco e reflete luz na fotografia. Por isso, caiu em desuso. Para esse produto, o ideal é nunca exagerar nem marcar muito alguma área", explica Juliana.

É preciso ter cautela. "O translúcido é mais leve que o pó de cobertura. Serve para fixar e deve ser aplicado em pouca quantidade", afirma a maquiadora. De acordo com ela, o compacto pode ser aplicado com esponja, mas o translúcido, sempre com pincel: "Para não ficar parecendo que passou farinha no rosto", destaca.

O produto exige cuidado, mas traz muitos benefícios. "O melhor do pó translúcido é que ele tem partículas finas e se adapta a todas as peles. A maioria desses produtos tem como base o silicone, por isso aparecem no flash das fotos caso se concentrem em alguma região", explica o makeup artist Thyago Mandu.

Apesar de ser muito branco, adapta-se a vários tipos de pele e deixa um toque aveludado. "O pó compacto de cobertura deixa o semblante mais carregado e, em certo momento, pode até craquelar", afirma Mandu.

A pele madura exige certas técnicas para não evidenciar a idade. Segundo Juliana, é preciso uma cobertura sem brilho, já que o pó compacto usado diretamente pode acentuar as rugas e deixar a expressão marcada. "Nesse caso, recomenda-se o uso do translúcido, mas sem exageros", explica.

A cor do produto é fundamental para o bom resultado do look. "O certo é que seja do mesmo tom da base. Muitas vezes, as pessoas passam de cor diferente e isso deixa a maquiagem manchada", explica. E não existe outro item que possa substituí-lo. "A pessoa pode usar uma base com acabamento seco. Nesse caso, o uso pode ser dispensado", explica a maquiadora Juliana Schechin.

O pincel é o mais indicado para passar o pó na pele. "Ele deixa tudo mais natural", recomenda Mandu. Para espalhar o produto sem erro, o ideal é usar o modelo fofo ou do tipo vassourinha (também conhecido como leque). O produto deve ser aplicado por todo o rosto, uniformemente.
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.