BELEZA

Cuidado, lenhador!

Vale a pena ter atenção com a hidratação, a higiene, o aspecto dos seus pelos faciais. Existem diversos produtos que podem ajudar os homens rústicos nessa tarefa

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 15/11/2015 08:00 / atualizado em 13/11/2015 18:56

Ailim Cabral

Sem dúvidas, a barba (ainda) está na moda. E os responsáveis são os hipsters, com seus pelos fartos e bigodes bem penteados. Eles surfaram na onda até o momento em que o modelo de beleza lumbersexual (rústico como um lenhador) caiu no gosto geral. Agora, raros são os rostos lisos.


A empolgação de deixar a barba crescer pode acabar se transformando em frustração na hora de cuidar dos fios. Não basta apenas deixar os pelos livres e fugir do barbeador: a higiene e a beleza do rosto de lenhador dependem de uma série de outros cuidados. O empresário e barbudo Samuel Tonin, 38 anos, criador da marca Sobrebarba, alerta quanto à necessidade de usar produtos apropriados. “O rosto precisa sempre de cuidados específicos. A pele é mais sensível e os pelos, muito mais ressecados que os cabelos, então não podem ser tratados da mesma forma”, explica.

 

Divulgação/Sobrebarba

 

Segundo Rafael Proença, sócio-fundador da empresa Barba Brava, o primeiro passo (e um dos mais importantes) é a limpeza. “Ao longo do dia, a barba acumula sujeira, como poeira, fumaça, células mortas e fios de barba soltos, por exemplo”, detalha. Além de problemas de saúde, como queda de pelo e coceira, sem a higiene adequada, os fios não terão um visual ou um cheiro agradável.

 

Samuel afirma que o xampu convencional, se usado na barba, tira a oleosidade natural da pele e resseca a barba. É necessário fazer a limpeza com um xampu próprio para os pelos faciais. Os cuidados se assemelham aos cabelos. Dependendo do tamanho da barba, é necessário pentear ou escovar os fios. A ideia é colocar ordem, alinhá-los e garantir um visual mais estiloso, além de desembaraçar, é claro. Rafael dá a dica: “Os pentes de madeira são os preferidos, pois não causam estática, o que deixa os fios arrepiados. Os dentes mais espaçados também são melhores para os pelos espessos do rosto”, completa.

 

Divulgação/Go Beard
 

 

Bernardo Miranda Mota, um dos criadores da marca Go Beard, e adivinhe só, também barbudo, reforça a importância do asseio. “Devemos lavar e pentear todos os dias, ou pelo menos, de três a quatro vezes por semana. Esses cuidados impedem que tenhamos os mesmos problemas que podemos ter no cabelo, como excesso de oleosidade, por exemplo”, detalha.

 

Após lavar e escovar, vem a hidratação. Segundo Bernardo, o condicionador para cabelos não é indicado para os fios da barba, uma vez que os pelos têm textura diferente. Entre os mais indicados pelos profissionais e pelos próprios barbudos, está o óleo. A cera, usada para modelar, também auxilia na hidratação.

 

Divulgação/Beard Brotherhood
 

 

Os óleos dão um certo brilho e permitem que a pele por baixo dos fios não fique ressecada, garantindo também a saúde dos fios. Bernardo acrescenta que o fator bem-estar deve ser considerado. “Não adianta só deixar a barba bonita — é necessário investir em produtos que garantam a saúde dos fios”, conclui.

 

Divulgação/Barbabrava
 

 

Dicas

* É recomendado lavar a barba ao menos 4 vezes por semana, com xampus ou sabonetes próprios para os fios do rosto.

* A barba deve ser penteada todas as vezes que for lavada. Isso mantém os pelos alinhados, desembaraça os mais longos, remove os pelos mortos e deixa o visual mais arrumado.

* É importante hidratar os pelos e o rosto pelo menos três vezes por semana.

* Aparar, mesmo para os que mantêm a barba longa e cheia, é muito importante. Visitar um barbeiro, que faça o desenho da barba e corte os fios corretamente, também é recomendado.

 

Divulgação/ Three Kings
 

 

 

 

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.