Moda dos batons em tons de azul tomam conta das makes

Sucesso entre artistas e fashionistas, o batom no tom celeste começa a conquistar as apaixonadas por maquiagem

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 01/10/2017 08:00 / atualizado em 29/09/2017 15:05

Moda consolidada no exterior, o batom azul se tornou febre no Brasil. Depois de ver a cor na boca de famosas e fashionistas em festivais e eventos de moda, as viciadas em make se arriscam e começam a adotá-la também no dia a dia.

Segundo a maquiadora oficial da Maybelline Brasil Juliana Rakoza, além da visibilidade de artistas internacionais, a cor começou a se popularizar quando um maior número de marcas de maquiagem passaram a oferecê-la. “Agora, a maioria das pessoas tem acesso por aqui, e acredito que a tendência é que se torne ainda mais popular”, acredita.

Felipe Moreira, maquiador de O Boticário, também acredita que o batom azul vai se tornar moda entre as brasileiras. “É uma cor bonita. Tudo o que é novo causa estranheza. No início, pode até parecer exótico demais, mas acho que vem para ficar e traz uma ousadia para a maquiagem.”

Como todo make, a cor pode ser usada por mulheres de todas as idades — ousar ou não no batom está mais relacionado ao estilo pessoal do que à idade. “É uma cor diferenciada, então, depende do que a mulher quer transmitir e da ousadia que ela tem”, afirma Felipe.

 
Divulgação
 
O azul aparece de duas formas nas bocas: mais fechada, puxado para o azul-marinho, ou mais aberta, em um tom mais claro. Juliana explica que o escuro é mais fácil de usar porque, apesar de ser mais intenso, chama menos atenção. O azul-escuro se assemelha a cores que as pessoas estão mais habituadas a usar, como marrom, vermelho, vinho e mesmo o preto. Já o mais vibrante e aberto chama a atenção pelo tom diferente e ainda pouco usado para adornar os lábios.

Como qualquer cor, os maquiadores afirmam que pode ser usada durante o dia. O importante é não pesar a mão no restante do make para não ficar over. “A dica é suavizar os olhos, fazer uma pele simples e passar só uma máscara de cílios. O batom vai roubar a cena, então, eu gosto de neutralizar o restante da maquiagem para deixá-lo em evidência”, sugere Felipe.

Para a noite, é possível ousar mais. Felipe afirma que, para as que gostam de explorar a maquiagem e abusar das possibilidades, existe a opção “boca tudo, olho tudo”. O batom azul intenso, com um olho também bem marcado, transmite um estilo gótico ou fashionista.
 
Juliana afirma que a maioria das pessoas se sente mais segura usando o batom azul somente durante a noite, mas que tudo vai depender da confiança de quem vai adotá-lo. “Eu uso durante o dia e fica muito bonito, mas chama a atenção. Se você quer aderir à moda, saiba que vai ficar lindo, mas tem que ter atitude e ousar”, motiva a maquiadora.

Juliana sugere ainda que as mais tímidas criem  o make em conjunto com a roupa. “Um look minimalista, todo preto ou cinza ou em uma cor neutra, pode ser um ótimo pano de fundo para um make ousado, com aquele batom azul sendo o foco de todo o visual.”
 
 
Divulgação
 
 
Tags: beleza batom moda
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.