Irmãs brasilienses com mais de 160 mil seguidores fazem sucesso no YouTube

Elas produzem vídeos com brincadeiras e até ensinam a fazer maquiagem

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 09/01/2016 14:32 / atualizado em 09/01/2016 14:41

Ana Rayssa/Esp. CB/D.A Press


As bonecas são o xodó das irmãs Eloah, 9 anos, e Ester, 4. As duas gostam tanto dos brinquedos que deram um nome para cada uma: a favorita é Alice — uma boneca que consegue se recuperar de machucados (de mentirinha!) como mágica. A brincadeira das duas não fica somente na casa onde moram, em Ceilândia. Elas ganharam milhares de fãs depois que começaram a publicar vídeos com as peripécias nos canais Eloah e Diversão e Ester e Diversão, no YouTube.

Juntas, as irmãs têm mais de 165 mil seguidores e gravam até três vídeos por semana ensinando como fazer maquiagens, propondo desafios e encenando histórias criadas por ambas. Eloah começou a gravar para o canal quando tinha 7 anos. No primeiro vídeo, ela pedia para que a mãe cantasse uma música porque ela divulgaria na internet. Quando viu o que outras youtubers famosas faziam, ela decidiu filmar o quarto e os brinquedos dela. Eloah diz que chegou até a ser reconhecida na rua, tamanho o sucesso que ela e a irmã fizeram na internet.

— Uma vez, uma pessoa me reconheceu na igreja, falou que tinha visto meus vídeos na internet. Eu acho muito legal quando os seguidores fazem comentários fofinhos, dizem que são meus fãs, conta a garota que, quando crescer, quer ser modelo ou atriz.

Leia mais notícias em Tecnologia

No vídeo mais recente, as duas levam a boneca Alice ao médico (Eloah interpreta a mãe e Ester assume o papel da médica). Em outro, Eloah participa de um desafio ao lado da prima: montadas em um pula-pula, as duas têm que levar um copo com água (sem derramar nada!) para encher um balde. Para Ester, o mais divertido em ter um canal é poder gravar as histórias com as bonecas.

— O vídeo de que eu mais gosto é o que dou papinha para a Taís, diz a menina, apresentando outra boneca da coleção.
As imagens que vão para a internet são gravadas e editadas pela mãe, Eliane Lourenço, que também tem a tarefa de postar os filmes no canal. A brincadeira das duas já garante algum lucro para a família e, para garantir a qualidade dos vídeos, eles investiram em equipamentos novos: comprou iluminação, tripé, câmera e microfone. Ainda com vontade de aprimorar o passatempo das filhas, as meninas e os pais tomaram outra decisão — eles estão de malas prontas para ir morar em São Paulo, e a mudança deve ocorrer ainda neste mês.

— Lá ficaremos mais perto de encontros de youtubers, palestras, eventos. Acredito que essa é uma experiência que elas vão guardar para o futuro. Quando estiverem adultas, vão olhar e dizer “olha só o que eu fiz quando era criança”, prevê a mãe.

Cuidados ao entrar na internet

Antes de se jogar no mundo da internet, é importante tomar alguns cuidados. A psicóloga Olga Tessari dá dicas para garantir que a brincadeira não vire problema:
— Sempre conte para seus pais o que você está fazendo na internet. É importante ter o acompanhamento de um adulto porque, assim como há pessoas que querem somente se divertir no mundo virtual (como você), há também aquelas mal-intencionadas. Contar com a supervisão de um responsável é fundamental.

— Quando você publica um vídeo na internet, os seguidores podem gostar dele ou não. Muita gente vai elogiar, mas também criticarão, e você precisa estar preparado para isso. Comentários agressivos, com ofensas e xingamentos, podem ser filtrados pelos seus pais para que você não leia.

— Saiba que, assim como os internautas se interessam rapidamente por alguém na internet, eles também perdem o interesse. Pode ser que seu canal ganhe muitos seguidores muito rápido, mas pouco tempo depois ele não seja mais o foco das atenções.

— O canal deve continuar enquanto for diversão. Se virar uma coisa chata, que você não quer mais fazer, pare. Além disso, é importante estabelecer horários e a atividade extra não deve atrapalhar os estudos.

— Pode ser que você comece a ganhar algum dinheiro com o canal. O ideal é pedir para que os seus pais deem uma mesada para você e guardem o restante numa poupança, para usar no futuro.

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.