Diversão para todos: dos Jardins Tivoli à Torre Redonda de Copenhague

O país e, principalmente a capital, Copenhague, oferecem diversos programas para todos os tipos de turismo: em família, esportivo, cultural. Não tente escolher, experimente todos

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 01/07/2015 19:34 / atualizado em 02/07/2015 14:40

Mariana Laboissière

Nicolai Perjesi/Divulgação

Definitivamente, os dinamarqueses estão preparados para receber os turistas. Além de profissionais bem treinados, que respiram a cultura e a história local, há uma infinidade de opções para se explorar nos quatro cantos do país, seja um passeio de barco pelos canais de Copenhague, uma volta de carruagem por um parque florestal (com vista para o castelo de caça da família real) ou uma visita a igrejas histórias fundadas por monarcas. É importante ficar atento, pois parte dessas atrações são pagas.


Uma ótima opção para quem aprecia arte e design é o Museu de Arte Moderna de Louisiana, há pouco mais de 30km de Copenhague, na região de Humlebæk. O local, com vista para o mar, une a experiência de se apreciar obras de artes com diferentes linguagens ao ar livre. É possível, ainda, caminhar por entre os lindos bosques e verdes jardins, além de adentrar em exposições interligadas, sejam de pintura ou escultura.

Louisiana MoMa/Divulgação

Uma das mostras em exibição nessa época do ano é a do pintor escocês Peter Doig e da artista plástica japonesa Yayoi Kusuma. Adultos pagam Kr115 para entrar no Louisiana, o equivalente a R$ 54. O lugar também dispõe de cafeteria e uma loja de souvenir.


A linda praia de Bellevue, de água azul transparente, no norte de Copenhague, é parada obrigatória, dona de uma história que remonta aos anos de 1930, quando a prefeitura organizou um concurso para que arquitetos projetassem estruturas na costa, como torres salva-vidas, bilheterias e trocadores de roupas. As construções são verdadeiras atrações pelo design, pelas cores e pela forma como se integram à paisagem.


Mas não se assuste se avistar pessoas sem roupas de banho, nadando e se trocando sem pudor. Atualmente, isso é algo natural entre os dinamarqueses, principalmente os com mais idade. As estruturas históricas ainda podem ser vistas bem conservadas no local. O vencedor do concurso na época, o famoso arquiteto dinamarquês Arne Jacobsen, também projetou um teatro e um conjunto de prédios habitacionais à beira-mar.

VisitDenmark/Divulgação

Quem leva*

Período: de 29 de julho a 5 de agosto

Alitalia
www.alitalia.com
(11) 3958-7959
Brasília – Copenhague: a partir de R$ 4.756

Air France
www.airfrance.com.br
4003-9955
Brasília – Copenhague: a partir de R$ 4.091

KLM
www.klm.com
4003-1888
Brasília – Copenhague: a partir de R$ 4.092

Lufthansa
www.lufthansa.com
(11) 3878-8151
Brasília – Copenhague: a partir de R$ 6.564

TAM
www.tam.com.br
4002-5700
Brasília – Copenhague: a partir de R$ 6.254

TAP
www.flytap.com
0300 210 6060
Brasília – Copenhague: a partir de R$ 8.122

*Todos os voos apresentam pelo menos uma escala

Mariana Laboissière/CB/D.A Press
 

 

10 atrações na Dinamarca

1. Jardins de Tivoli
2. Parque de diversões Bakken
3. Legoland
4. Zoológico de Copenhague
5. Parque de diversões Djurs
6. Parque de diversões Faarup
7. Museu de Arte Moderna de Louisiana
8. ARoS
9. Parque de diverções BonBon Land
10. Torrre Redonda de Copenhague

 

Histórias do mar

Na Dinamarca há vários portos e muitos moradores possuem barcos e têm a tradição de pescar. Em Helsingør, apenas 50km ao norte de Copenhague, há um prédio inteiro dedicado ao mar e às práticas que o evolvem. Trata-se do Museu Marítimo Dinamarquês, onde estão documentadas uma infinidade de réplicas de navios, cartas de marinheiros, filmes com a temática, além de um restaurante com comida especializada. O projeto do edifício subterrâneo foi concebido após um concurso lançado em 2013.

 

A repórter viajou a convite da Global Vision Access

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.