PALM BEACHES & PARADISE COAST

Muito além da Disney: curta águas mornas e aproveite o glamour da região

No caminho entre Orlando e Miami, há regiões de turismo internacional pouco explorado e que já são rotas consolidadas entre os nativos

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 20/02/2016 09:00 / atualizado em 18/02/2016 14:31

Reprodução da Internet

Aos olhos da maioria dos brasileiros que embarcam para a Flórida, o estado norte-americano se resume a dois destinos: Orlando, terra da Disney e de outros parques temáticos, e Miami, o paraíso das compras. A Flórida, no extremo Sul dos Estados Unidos, é bem maior que isso. No caminho entre Orlando e Miami, há regiões de turismo internacional pouco explorado e que já são rotas consolidadas entre os nativos. Atrás de praias e altas temperaturas até mesmo no inverno, é para Palm Beaches e Paradise Coast que eles vão, fugindo do frio e da neve.

 

Aliás, no Brasil, Palm Beaches é normalmente tratada no singular, como Palm Beach, que, na verdade, é apenas uma das 38 cidades da região banhada pelo Oceano Atlântico. O condado está a 100 quilômetros ao norte de Miami e a 240 quilômetros ao sul de Orlando. A cidade de Palm Beach tem a fama de ser a mais luxuosa, procurada por ricos e famosos. Mas o conjunto de localidades, uma colada na outra, é mais eclético, com opções para ecoturismo, praias descoladas e outlets, os queridinhos dos brasileiros.

 

Mais tranquila do que Palm Beaches, a região de Paradise Coast reúne as cidades de Naples, Marco Island e Everglades City. O pôr do sol nas praias de areias brancas e mar de águas quentes rende o nome “Costa do Paraíso” na tradução para o português. A região, às margens do Golfo do México, está situada na costa sudoeste da Flórida e conta com 48 quilômetros de praias. Também é um destino procurado por quem curte passeios náuticos. De Miami, são 162 quilômetros, percorridos em cerca de duas horas. Já em relação a Orlando, a distância é de 427 quilômetros, cerca de quatro horas de viagem de carro.

 

Flávia Ayer/EM/D.A Press

Cenários de luxo e riqueza

As fotos do casamento da atriz colombiana Sofia Vergara, estrela da série Modern family, com o ator Joe Manganiello, no hotel The Breakers, em Palm Beach, na Flórida, rodaram o mundo em novembro. Elas mostram um pouco do luxo e da suntuosidade do resort cinco estrelas, que é, por si só, uma atração da cidade, conhecida por atrair ricos e famosos fora do circuito de Miami. Mas é bom saber que Palm Beach tem plural — Palm Beaches, nome dado à região na osta Sudeste do estado norte-americano composta por 38 cidades, uma ao lado da outra e várias delas cortadas por hidrovias.


A cidade de Palm Beach é a mais conhecida delas e acabou agradando aos turistas por ter restaurantes de primeira, praias tranquilas e concentração considerável de lojas badaladas sem o agito de Miami. Vale informar que, se comparado ao litoral brasileiro, as praias de lá são apenas boas.

 

A Worth Avenue é o endereço do luxo na cidade. Lado a lado, estão grifes mais prestigiadas do mundo, como Chanel, Ralph Lauren, a multimarcas Saks, joalheiras e charmosas lojas locais. O cenário fica completo com carrões de luxo passando a todo momento e dezenas de pessoas atravessando a avenida com sacolas de compras.

 

Mesmo sem grana, a visita à Worth Avenue tem seu lugar. Caminhar despretensiosamente pelas galerias e observar as escadarias coloridas naquele universo de luxo já valem o passeio. Com sorte, dá até para encontrar um produto ou outro que cabe em bolsos mais modestos. Há quem contrate um tour a pé, embora fazer isso sozinho seja bem tranquilo. Nos arredores da Worth Avenue, é possível passear por ruas pacatas e organizadas, onde ficam mansões e hotéis de luxo.

 

Apesar da atmosfera de glamour, a região de Palm Beaches oferece ao visitante opções de compras baratas. No Gardens Mall, na cidade de Gardens, um andar inteiro é exclusivo para o mercado de luxo, mas no restante do shopping há opções acessíveis. Em West Palm Beach, o Cityplace é um shopping a céu aberto, rodeado por lojas de departamentos que os brasileiros amam, como Forever 21 e H&M, e também concentra restaurantes e bares.


O destaque fica para o Palm Beach Outlet, em West Palm Beach. Também a céu aberto, o outlet é mais vazio do que centros de compras similares em Orlando e Miami. Além das lojas habituais desses estabelecimentos —  Nike, GAP e Calvin Klein — , o consumidor encontra no entorno as gigantes do varejo TJ Maxx, Ross e a Best Buy, de eletrônicos.

 

Jeniffer/flickr

Anota aí...

COMPRAS
Embora em viagens impere a máxima de “quem converte não se diverte”, é bom fazer as contas antes de gastar. No segmento de vestuário e calçados, há produtos que, mesmo em outlets, estão com preço similar ao do Brasil. Comprar eletrônicos e produtos farmacêuticos continua vantajoso. Lojas de pontas de estoque, como Marshals e Ross, com artigos para casa e roupas, também são sempre boa pedida.

 

COMIDA
Viajar aos EUA não significa Se empanturrar de sanduíches, pizzas e outras categorias de junk food. No litoral da Flórida, a diversidade da gastronomia está em pratos apetitosos, sendo os frutos do mar o destaque do cardápio. Dá para experimentar lagostas, siris, camarões, ostras, vieiras, caranguejos e até carne de jacaré.

TRANSPORTE
Em Palm Beaches e Paradise Coast, como na maior parte da Flórida, o transporte público deixa a desejar e, para curtir a região, a melhor opção é alugar um carro. Em pontos turísticos das cidades, o turista consegue andar em ônibus gratuitos, que se assemelham a bondes.

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.