RIO DE JANEIRO

Áreas da capital carioca que recebem os Jogos estão cercadas de atrativos

Confira o que fazer nas proximidades desses pontos de competições e complete seu roteiro de viagem com passeios inesquecíveis

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 09/08/2016 09:00 / atualizado em 08/08/2016 10:22

Pedro Kirilos/Riotur - Prefeitura do Rio

A abertura do maior evento esportivo do Planeta aconteceu na sexta-feira (5). Segundo estimativa do Instituto Brasileiro de Turismo (Embratur), o Rio de Janeiro, a cidade-sede das competições, deve receber entre 350 mil e 500 mil pessoas até o próximo dia 21.

 

As disputas — mais de 130 — ocorrerão em quatro áreas da Cidade Maravilhosa: Barra, Copacabana, Maracanã e Deodoro. O Turismo separou algumas atrações próximas dos locais onde os atletas disputarão suas modalidades para completar o roteiro de quem vai curtir as Olimpíadas no Rio. Explore a capital carioca e fique frente a frente com cartões-postais famosos em todo mundo, como o Cristo Redentor e o Pão de Açúcar.

 

» Barra

A região será o coração dos Jogos Olímpicos. É lá que estão localizados o Parque Olímpico, a Vila Olímpica e Paralímpica, o Centro Olímpico de Treinamento (COT), entre outras estruturas. Quem tem ingresso para golfe, ginástica e natação, por exemplo, terá que passar pela Barra.

 

Pedra do Pontal

Fwellisch/Wikimedia Commons

O local é uma ótima opção para quem quer curtir uma bela vista da cidade sem muito esforço. A trilha até o topo da pedra não é difícil e não precisa de um guia para ser feita. É só subir e aproveitar o visual da Praia do Recreio de um lado e a da Macumba do outro. Nos dias de maré alta, no entanto, o caminho que leva à pedra é coberto pela água do mar. Fica no Recreio dos Bandeirantes.

 

Cidade das Artes

Nelson Kon/Divulgação

O complexo é palco de apresentações de teatro, dança, cinema, música, exposições e muitas outras manifestações relacionadas à arte. O edifício, que chama atenção pela sua arquitetura, foi desenhado pelo arquiteto francês Christian Portzamparc. O local conta ainda com restaurantes e lojas. Confira a programação completa dos espetáculos no site www.cidadedasartes.org. Fica na Avenida das Américas.

 

Bosque da Barra

Alexandre Macieira/Riotur

A Unidade de Preservação Ambiental de 50 hectares é ideal para aproveitar o fim de tarde. Os visitantes podem fazer caminhada, andar de bicicleta, brincar no parquinho com os pequenos e descansar na beira do lago. Mas o parque não é apenas um local de lazer; o objetivo também é preservar a fauna e a flora local. Fica na Avenida das Américas.

 

Casa do Pontal

Juliana Borre/CB/D.A Press

O acervo do museu, organizado pelo designer francês Jacques Van de Beuque, tem mais de 8 mil peças de artistas brasileiros. Com o incentivo de Candido Portinari, Van de Beuque montou um dos espaços mais importantes de divulgação da arte popular brasileira. Fica em um sítio no Recreio dos Bandeirantes, com amplos jardins que se misturam com as galerias do museu.

 

» Copacabana
É no famoso bairro carioca que estão o Parque do Flamengo, a Lagoa Rodrigo de Freitas, a Marina da Glória, o Forte de Copacabana e a Praia de Copacabana. Estes locais serão palco de disputas nas modalidades como triatlo, canoagem, vela, vôlei de praia e remo.

 

Pão de Açúcar

Alexandre Macieira/Riotur

É quase impossível pensar no Rio de Janeiro sem se lembrar do Pão de Açúcar, cartão-postal carioca conhecido no mundo todo. Desde 1912, os turistas podem apreciar as belezas da cidade carioca dentro do bondinho. O teleférico faz dois percursos: da Praia Vermelha ao Morro da Urca e de lá ao Morro do Pão de Açúcar. Fica na Avenida Pasteur, na Urca.

 

Forte de Copacabana

Halley Pacheco de Oliveira/Wikimedia Commons

Inaugurado em 1914, o forte só deixou sua função bélica 73 anos depois. Hoje, o local abriga o Museu Histórico do Exército, além de lojas e cafés. É possível visitar salas de exposições temporárias, a cúpula dos canhões, a fortificação e a alameda Octávio Correia. Termine o passeio na Confeitaria Colombo ou no Café 18 do Forte. A programação cultural está disponível no site www.fortedecopacabana.com. Fica na Praça Coronel Eugênio Franco.

 

Mirante Dona Marta

Carlos Perez Couto/Wikimedia Commons

A 360 metros de altura, o mirante proporciona uma vista incrível do Pão de Açúcar, o Maracanã, a Baía de Guanabara e o Cristo Redentor. O local é ideal para quem gosta de fotografar e curtir belos visuais. Fica no Parque Nacional da Tijuca. De carro, o acesso é pela estrada das Paineiras. Quem preferir ir a pé, pode partir dos bairros Cosme Velho e Santa Tereza, na Zona Sul, ou pelo Alto da Boa Vista, na Zona Oeste.

 

Lagoa Rodrigo de Freitas

Halley Pacheco de Oliveira/Wikimedia Commons

Quem vai assistir as provas de canoagem, velocidade e remo no Estádio da Lagoa terá muitas outras atrações para aproveitar na região. Andar de bicicleta ou quadriciclo pela orla são apenas algumas delas. Ainda é possível dar uma volta de pedalinho na lagoa e admirar a vista do mirante do Parque da Catacumba. A trilha até o topo é de apenas 15 minutos. Fica na Zona Sul da cidade.

 

» Maracanã

O Estádio Maracanã, o Sambódromo, o Engenhão e Maracanãzinho ganharão ainda mais destaque durante os Jogos Olímpicos. Os competidores do atletismo, futebol e vôlei já têm espaço garantido para dar um show na Zona Norte da cidade. Aproveite o passeio pela região para conhecer a Praça Mauá. Revitalizado no ano passado, o espaço abriga — entre outras atrações — o Museu do Amanhã. Além de chamar atenção por sua arquitetura, o local tem zonas interativas, sala de cinema 360º, salões de exposição e um restaurante com vista panorâmica.

 

Alexandre Macieira/Riotur

O Museu do Amanhã está aberto de terça a domingo, das 10h às 18h, com encerramento da bilheteria às 17h. Às segundas, o espaço fica fechado. Evite ir de carro ao local, que não dispõe de estacionamento. Se a preferência for o ônibus, consulte o site www.vadeonibus.com.br. Se o ponto de referência for a Central do Brasil, pegue a linha 225 ou caminhe 15 minutos até o local. Dá também para ir caminhando da Estação Uruguaiana do metrô. O aeroporto mais próximo do Museu do Amanhã é o Santos Dumont — fica cerca de 3,5km de distância. O ingresso custa R$ 10 (inteira) e R$ 5 (meia). Às terças-feiras, a entrada é gratuita. Compras pela internet podem ser feitas pelo site do Museu.

 

Ilha Fiscal

Pedro Kirilos/Riotur - Prefeitura do Rio

Antes de se tornar o Complexo Cultural do Serviço de Documentação da Marinha, a atração era o posto da Guarda Fiscal, que atendia o porto da capital do Império, no século 19. O local ficou conhecido depois de sediar o último baile do Império, seis dias antes da Proclamação da República. No passeio, os visitantes podem conhecer a Ala do Cerimonial, o submarino-museu, o helicóptero-museu e exposições temporárias de arte. Fica na Baía de Guanabara.

 

Igreja da Penha

O Santuário de Nossa Senhora da Penha de França, em 1728, encanta os visitantes por vários motivos. Além da bela arquitetura, a igreja foi construída no alto de uma pedra. Para chegar até lá, é preciso subir mais de 300 degraus. Quem preferir, pode subir de funicular. Fica no Largo da Penha.

 

Feira de São Cristovão

Diego Araújo/Flickr

Espaço de tradições nordestinas no coração carioca, a feira teve início em 1645. Além das lojas que vendem artesanato e comidas típicas do Nordeste, o local é espaço de manifestações culturais, como apresentação de repentistas, bandas de forró e trios pé-de-serra. A programação completa está no site www.feiradesaocristovao.org.br. Fica no Campo de São Cristovão.

 

Museu Nacional

Rdiaspp/Flickr

O maior museu de história natural e antropológica da América Latina foi criado por João VI, em 1818, com objetivo de promover a cultura e a economia do país. Hoje alocado na antiga residência da família imperial brasileira, o museu tem no acervo artigos de antropologia, botânica, entomologia, geologia e paleontologia, por exemplo. Fica no Parque da Quinta da Boa Vista.

 

» Deodoro
A região, na Zona Oeste, receberá as competições de esportes como hipismo, ciclismo mountain bike, tiro esportivo, rúgbi e basquete nos Jogos Olímpicos. Nos Jogos Paralímpicos, será palco do futebol de 7, tiro esportivo, hipismo e esgrima.

 

Parque Municipal do Mendanha

Lucas Gomes/Wikimedia Commons

Nas proximidades de Deodoro, o turista pode entrar em contato direto com a natureza. No Parque Municipal do Mendanha, que forma uma área de proteção ambiental com mais dois parques da região, é possível fazer trilhas, escalada e mergulhar nas cachoeiras e piscinas naturais. Aproveite o passeio pelo parque para observar a vegetação típica da Mata Atlântica.

 

Parque Estadual da Pedra Branca

Halley Pacheco de Oliveira/Wikimedia Commons

O parque possui três núcleos de visitação. O Núcleo Pau da Fome, onde estão a sede e o centro de visitantes; o núcleo Piraquara, com brinquedo para as crianças, poços, espaços de escalada e a cachoeira do Barata, a única em que se pode tomar banho; e o núcleo Camorim, onde o visitante parte para uma trilha de 4km até o alto do parque. O Pico da Pedra Branca, a 1.042 metros de altura, é um ótimo local para apreciar a vista da cidade.

 

Fique atento

» Onde se hospedar

 

Booking
Diárias para uma pessoa a partir de R$ 50 em hostels e R$ 217 em hotéis

 

CVC

Diária para uma pessoa a partir de R$ 117

 

Expedia

Diária a partir de R$ 34 em hostels e R$ 104 em hotéis

 

Latam Travel

Diárias a partir de R$ 499

 

Windsor Hotel

A rede de hotéis está com tarifas promocionais para o período de 7 a 18 de setembro, da Paralimpíadas — a partir de R$ 303 + taxas (Windsor Copa), sendo o preço para casal e criança de até 12 anos

 

Promenade
A rede está com a promoção “Fim de Semana 60 Horas”, que altera o horário de entrada e saída dos hóspedes. Com isso, eles podem ganhar até 12 horas a mais no fim de semana e ficar no hotel entre sexta-feira à noite e segunda-feira de manhã. 

 

» Passagens aéreas
Quem ainda não comprou suas passagens aéreas para o Rio, essa é hora. Pesquisa feita pela ViajaNet, uma agência de viagens online, mostra que o preço médio dos tíquetes caiu 35%, comparado com os números de 50 dias atrás. O valor caiu de R$ 527 para R$ 346.

 

» Seguro viagem
Se você não tem plano de saúde, considere a possibilidade de fazer um seguro viagem para usar em caso de necessidade. Há empresas com planos especiais, a partir de R$ 35, para pessoas com até 70 anos. As coberturas podem incluir assistências médica por acidente ou doença, farmacêutica e odontológica, localização de bagagem, hospedagem para companhante, orientação em caso de perda de documentos, remoção médica, entre outros serviços.

 

» Contatos úteis
Samu: Serviço de Atendimento de Urgência (192)
Anvisa: Agência Nacional de Vigilância Sanitária (0800 642 9782)
Anac: Agência Nacional de Aviação Civil (0800 642 9782)
ANTT: Agência Nacional de Transportes Terrestres (166)
Antaq: Agência Nacional de Transportes Aquaviários (0800 644 500)

 

» No aeroporto

Fique atento às novas regras de fiscalização nos aeroportos, que incluem revistas aleatórias dos passageiros e retirada de equipamentos eletrônicos das bagagens de mão e líquidos em voos domésticos.

 

» Wi-Fi
Alguns espaços públicos oferecem Wi-Fi gratuito. 
É o caso do Aeroporto Tom Jobim (Galeão), onde passageiros registrados podem acessar a internet sem fio de graça por 1 hora após fornecerem algumas informações. No Santos Dumont, os 30 minutos de navegação grátis são estendidos para 75, caso o internauta se disponha a responder uma pesquisa de satisfação. Há Wi-Fi disponível por períodos ilimitados na Rodoviária Novo Rio e na orla do Leme, Copacabana, Arpoador e Ipanema.

 

» Curta
A Casa Lego no Posto 10 da Praia de Ipanema e a exposição O Triunfo da Cor, no Centro Cultural do Banco do Brasil (CCBB), no centro do Rio. 

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.