FÉRIAS

De volta ao passado, descanse em um lugar repleto de histórias

Fazendas históricas do Rio de Janeiro reservam o melhor do turismo colonial e da natureza

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 28/12/2017 10:00 / atualizado em 27/12/2017 16:56

Fazenda paraíso/CB/D.A Press

No interior do Rio de Janeiro, a região do Vale do Café oferece belezas naturais, construções históricas e hotéis e fazendas para lazer e descanso nos municípios de Vassouras, Valença, Paulo de Frontin e Rio das Flores. A região é um dos melhores destinos de turismo rural do Brasil. Além de conhecer alambiques e ter contato direto com a mata atlântica recuperada. Entre as hospedagens estão fazendas centenárias, que mesclam beleza, lazer e história.


A Fazenda União, que faz parte da associação Roteiros de Charme, oferece hospedagem com requinte, bom gosto e apreço pelos detalhes. Localizada no município de Rio das Flores, não há quem não se encante com uma das maiores coleções de objetos do império e itens de arte. À noite, a apresentação de jongo e capoeira toma conta do gramado, e o serviço de brunch ou jantar à luz de velas revela os sabores de uma das melhores cozinhas da região. Já a Fazenda São Roque é histórica, na região de Vassouras, reformada, com foco em eventos sociais e empresariais. A melhor pedida é visitar a São Roque em dias de festa: os salões e os cômodos decorados com móveis de época são cenário para saraus e apresentações de canto lírico, sempre acompanhados pelo piano.

Localizada em Barra do Piraí, a Fazenda Alliança oferece a vivência Dia na Fazenda, durante os meses de dezembro e janeiro. A visita, que precisa de um mínimo de seis pessoas, tem início às 10h30, com lanchinho receptivo que inclui bolo, café, leite e queijo de búfala (a única do estado com produção certificada). No almoço, cardápio 100% orgânico, com carne de búfala ou de carneiro, saladas, legumes e quiches, e, para sobremesa, o requisitado cheese cake de búfala com calda de jabuticaba. Às 16h, os convidados se despedem com um brinde na horta orgânica.



Na fazenda
Fazenda União/CB/D.A Press

No município de Rio das Flores está a mais autêntica fazenda do Vale do Café, a Fazenda do Paraíso, que oferece tour guiado pela casa sede, construída em 1845. A bela fachada já ilustrou uma série de produções, como as novelas Além do tempo, o filme Através da sombra e, recentemente, a 3ª temporada da série 1 contra todos, do canal Fox. Na antiga tulha, onde está um dos mais antigos maquinários de café da região, é servido lanche preparado em fogão a lenha, inspirado em receitas seculares, garantindo a atmosfera rural à visita. O jardim Uaná Etê, em Paulo de Frontin, é uma experiência à parte. As atrações permanentes fazem desse jardim um lugar diferente.

O turista se deslumbra entre o bosque dos sinos e o labirinto da música, único no mundo. E o gramado mais charmoso de Valença é, certamente, o da Fazenda Vista Alegre, com palmeiras imperiais e estátuas de porcelana do porto, dispostas ao longo da extensa área verde. Os visitantes são recepcionados pelos proprietários da casa, que contam cada particularidade da antiga construção de 1852, que pertenceu ao visconde de Pimentel. Em 27 de janeiro, a Vista Alegre realiza o Sabor de Fazenda, evento que terá participação do chef Marco Frossard, oferecendo o melhor da cozinha rústica brasileira. Não deixe de fazer uma visita ao alambique da Cachaça Werneck, produzida em Rio das Flores, onde será possível acompanhar todo o processo de produção da bebida. (CA)

 

VINHO

 

David Samuel/CB/D.A Press

A bordo de um teleférico, os turistas se encantam com a vista espetacular da Ilha da Madeira para o oceano e para as montanhas cobertas pela vegetação exuberante, durante os 20 minutos de percurso até o monte, a parte alta da cidade. Para retornar para a parte baixa, a melhor maneira é se aventurar no tradicional e divertido carro de cesto — típico transporte madeirense que proporciona muita adrenalina, em descida de cerca de 10 minutos até o Bairro do Livramento (metade do percurso para o Centro da cidade).

A gastronomia madeirense é um encanto à parte. Por ser um destino insular, sua base são frutos do mar, como as lapas — tipo de molusco local — e peixes, como o espada-preto. Outro prato delicioso é a espetada, churrasco de carne bovina, sempre acompanhado de milho frito e de bolo-do-caco com manteiga de alho. Não deixe de provar a poncha, bebida típica feita com aguardente de cana, limão e açúcar.

O destino também é muito buscado pelos amantes de vinho. A premiada bebida da Madeira é servida como aperitivo ou como digestivo e seus aromas deliciosos já conquistaram adeptos em todo o mundo. É um vinho fortificado, com mais de cinco séculos de existência, produzido nas encostas e adegas da Ilha da Madeira.


PARAÍSO PORTUGUÊS   
Mark/CB/D.A press

Considerado o melhor destino insular do mundo, a Ilha da Madeira é um pequeno paraíso português situado em meio à imensidão do Oceano Atlântico. De origem vulcânica, sua localização privilegiada proporciona clima ameno e mar com temperatura agradável o ano inteiro, além de impressionantes cenários de montanhas, vales e penhascos, todos cobertos pela exuberante vegetação Laurissilva, nomeada patrimônio natural da humanidade pela Unesco. Aproximadamente dois terços da ilha são protegidos pelo Parque Natural da Madeira, criado em 1982 e classificado como Reserva Biogenética, já que abriga flora e fauna únicas.

O arquipélago é formado por um conjunto de ilhas, sendo as principais e únicas povoadas Madeira e Porto Santo, que somam 270 mil habitantes. Há excelentes opções em balneários, monumentos históricos e ótimos hotéis e restaurantes, nos quais se pode provar a deliciosa gastronomia e os premiados vinhos madeirenses.

Com cenários que reúnem impressionantes obras da natureza, o Arquipélago da Madeira é um refúgio para os turistas em férias. Com exuberante paisagem, o local é o ambiente ideal para estar ao ar livre e aproveitar as piscinas naturais e mirantes ou praticar atividades radicais, como canyoning, rapel, mountain biking, parapente e surfe. Seja em terra, água ou ar,  não faltam opções para todos os gostos, distribuídas em lugares como Porto Moniz, Seixal, São Vicente e Câmara de Lobos, entre outros. Além disso, é imperdível caminhar ao lado de uma das inúmeras levadas — os canais de irrigação que chegam a 1.400 quilômetros — construídos para trazer grandes quantidades de água do Norte da ilha para o lado Sul.

A Madeira é a maior e a principal ilha do arquipélago. Tem infraestrutura hoteleira impecável, sendo a maioria de empreendimentos cinco estrelas, restaurantes premiados e ainda atrativos que valem a visita. Sua capital, Funchal, tem ares cosmopolitas que se misturam à história e a  cultura locais. Exemplo disso é a Zona Velha, que surpreende com o melhor da vida noturna por entre os edifícios históricos e portas que são obras de arte. 

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.