Publicidade

Correio Braziliense

Vídeo mostra exato momento em que helicóptero de Boechat cai na Rodoanel

O caso, registrado como desastre aéreo e morte acidental, é investigado


postado em 12/02/2019 16:00 / atualizado em 12/02/2019 16:46

(foto: Reprodução/Youtube )
(foto: Reprodução/Youtube )

O acidente aéreo que matou o jornalista Ricardo Boechat e o piloto Ronaldo Quattrucci, nesta segunda-feira (11/2), foi registrado por câmeras de segurança da CCR Rodoanel, concessionária responsável pelo Rodoanel (SP).

 

No vídeo, o helicóptero aparece perdendo altitude, balançando e descendo entre dois viadutos do Rodoanel Mário Covas que ficam sobre a Anhanguera. O caminhão atingido pela aeronave também aparece nas imagens, na alça de acesso à rodovia. Porém, o momento da colisão não foi registrada. 

 

 

 

A gravação foi entregue na tarde desta terça-feira (12/2) à investigação, que apura as causas do acidente. As imagens serão enviadas ao Instituto de Criminalística (IC), e elas serão analisadas por peritos. As causas do acidente serão esclarecidas após a conclusão dos laudos periciais.

 

 

Ver galeria . 10 Fotos Rede Bandeirantes/Divulgação
(foto: Rede Bandeirantes/Divulgação )
 

 

Amigos e autoridades manifestam pesar por morte de Boechat 

 

Colegas de profissão e autoridades políticas do país se pronunciaram por meio de notas oficiais e publicações no Twitter.

 

Jair Bolsonaro publicou uma mensagem de condolências à familia do jornalista pelo Twitter. Na publicação, o presidente disse que sempre teve "muito respeito" por Boechat.

 

O Palácio do Planalto divulgou nota para lamentar a morte de Boechat. "O país perde um dos principais profissionais da imprensa brasileira. Sentiremos a falta de seu destacado trabalho na informação da população, tendo exercido sua atividade por mais de quatro décadas com dedicação e zelo", diz o documento. 

 

Emocionados, colegas de Boechat interrompem transmissão de rádio por alguns minutos. 

 

Veruska Seibel, mulher do jornalista publicou uma foto no Instagram, lamentando morte companheiro. A foto mostra um abraço entre Veruska e Boechat, no dia do casamento dos dois, em 2005.  "Pior dia da minha vida", escreveu na legenda.  

 

Acidente

 

Vídeos feito por pessoas que estavam no Rodoanel no momento em que o helicóptero caiu, mostram que a aeronave pegou fogo após bater na parte dianteira de um caminhão, no momento que tentava fazer um pouso de emergência. O motorista do veículo foi socorrido pela concessionária da rodovia, e não precisou ser transportado ao hospital. Boechat, de 66 anos, e o piloto Ronaldo Quattrucci, de 56, morreram no local.

 

Boechat voltava a São Paulo, capital, após dar uma palestra em Campinas, no interior do estado. O acidente foi no Km 7 do Rodoanel, sentido Castelo Branco, próximo a um posto de cobrança de pedágio. As causas do acidente estão sendo investigadas. O corpo de Boechat vai ser cremado nesta terça-feira, às 16h. Ele está sendo velado no Museu da Imagem e do Som, na capital paulista, onde centenas de pessoas se despedem do jornalista. 

 

 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade