Publicidade

Correio Braziliense

Incêndio destrói apartamento em Santa Maria; ninguém ficou ferido

Bombeiros foram ao local para combater as chamas. Os outros apartamentos do prédio não foram atingidos


postado em 12/08/2018 15:27 / atualizado em 12/08/2018 16:10

Os moradores estavam em casa quando o incêndio começou, mas conseguiram sair. Ninguém ficou ferido(foto: Divulgação / CBMDF)
Os moradores estavam em casa quando o incêndio começou, mas conseguiram sair. Ninguém ficou ferido (foto: Divulgação / CBMDF)
Um incêndio destruiu completamente um apartamento em Santa Maria no início da tarde deste domingo (12/8). O imóvel, que fica no último andar do prédio de três pavimentos, teve dois quartos, banheiro, sala e cozinha totalmente queimados. O Corpo de Bombeiros chegou ao local por volta de 13h e usou quatro carros e 14 oficiais para combater as chamas.
 
No momento do incêndio, os proprietários estavam em casa, mas conseguiram escapar sem ferimentos. O prédio precisou ser evacuado, por questões de segurança, e será avaliado pela Defesa Civil antes de ser liberado para os moradores. Há outras cinco residências no edifício, mas nenhuma foi atingida. 
 
O próximo passo é a perícia que determinará as causas do incidente. A previsão é a de que o laudo fique pronto em até 30 dias.
 
Dois quartos, sala, cozinha e banheiro ficaram completamente destruídos. Laudo pericial apontando as causas deve ficar pronto em 30 dias(foto: Divulgação / CBMDF)
Dois quartos, sala, cozinha e banheiro ficaram completamente destruídos. Laudo pericial apontando as causas deve ficar pronto em 30 dias (foto: Divulgação / CBMDF)
 

Outros casos

No final do mês passado, em 22 de junho, um apartamento na Asa Sul, na Quadra 107 também pegou fogo. Apenas a cozinha do imóvel foi incendiada e ninguém ficou ferido. Os demais apartamentos não foram atingidos.
 
Oito dias depois, um galpão, no Guará II, onde funcionava uma fábrica de estofados também pegou fogo, deixando cinco pessoas feridas, mas nenhuma em estado grave. Uma casa e um salão de beleza próximos também foram atingidos.
 
Apenas no mês de julho, o Corpo de Bombeiros realizou 1.967 ações de combate a incêndios, dos quais 1.374 foram florestais, segundo dados da Secretaria de Segurança Pública.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade