Publicidade

Correio Braziliense

DF terá máxima de 32ºC, mas pode chover na próxima semana

Massa de ar seco que está deixando a capital com temperaturas altas e umidades baixas pode começar a perder força na segunda quinzena de setembro


postado em 12/09/2018 07:33 / atualizado em 12/09/2018 08:03

Quarta-feira (12/9) será de tempo seco e quente(foto: Ed Alves/CB/D.A Press )
Quarta-feira (12/9) será de tempo seco e quente (foto: Ed Alves/CB/D.A Press )

Brasília terá mais um dia de calor: serão 32ºC de temperatura máxima e umidade baixa nesta quarta-feira (12/9). Mas um alívio para os dias de seca deve estar perto, pois, segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), pode chover na próxima semana. 

A previsão foi dada porque a massa de ar seco que está sobre a região central do país começará a perder força, deixando Brasília com um clima mais úmido. O meteorologista Mamedes Luiz Mello, do Inmet, explicou que é normal que a segunda metade do mês de setembro traga chuva, quebrando a seca característica dos primeiros 15 dias. 

"Na semana que vem, como essa massa de ar seco estará menos intensa, a tendência é que possa chover." Em 2017, por exemplo, o Distrito Federal viu a estiagem de 127 dias ter fim neste mês de setembro, também na segunda quinzena.

Mas enquanto ela não chega, o sol castigará as manhãs e tardes do brasiliense. Esta quarta teve uma temperatura mínima de 10ºC, mas os termômetros devem registrar uma máxima de 32ºC entre 14h e 16h. 

O céu estará entre claro a parcialmente nublado, com uma névoa seca que deixa a umidade baixa, entre 80% e 15%. "Mas existem ainda chances de que essa porcentagem mínima diminua ao longo das próximas medições do dia", informou o meteorologista.

Estado de alerta

Após três dias consecutivos com umidade relativa do ar apontando números mínimos entre 12% e 20%, o Instituto Nacional de Meteorologia emitiu um alerta para o DF e o entorno. O aviso ressalta a importância de tomar precauções específicas para esse tempo, como evitar exercícios físicos no período de temperaturas mais quentes e ter cuidados extremos com a vegetação, mais propícia a incêndios em dias como estes últimos.

Além disso, o brasiliense também deve ficar atento a sua hidratação, se precaver quanto ao ressecamento da pele, olhos e nariz, evitar o ar-condicionado, fazer refeições leves e usar protetor solar. Uma dica dos especialistas para enfrentar dias de seca é umidificar o ambiente com aparelhos ou toalhas molhadas.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade