Publicidade

Correio Braziliense

VÍDEO: operador de sistema da Saneago que foi soterrado é encontrado morto

Após mais de 12 horas de operação do Corpo de Bombeiros do DF e de Goiás, Jucélio Marcelino Rocha, 35 anos, foi encontrado sem vida


postado em 06/12/2018 07:38 / atualizado em 06/12/2018 08:12

(foto: Divulgação/CBMDF)
(foto: Divulgação/CBMDF)

Jucélio Marcelino Rocha, 35 anos, foi soterrado enquanto trabalhava na Companhia de Saneamento de Goiás (Saneago) na tarde de quarta-feira (5/12), e só na madrugada desta quinta-feira foi encontrado, sem vida. 

A vítima era um operador de sistemas que caiu em meio a terra após o chão de uma obra ceder, no Núcleo Rural Bom Sucesso, divisa do Distrito Federal com Planaltina de Goiás. 

O Corpo de Bombeiros Militar do DF e a corporação de Goiás trabalharam em conjunto desde as 15h30 de ontem para tentar encontrar a vítima ainda respirando e realizar os socorros. 

Mas, devido a profundidade da cratera, de oito metros, só foi possível encontrar Jucélio às 3h45. A Polícia Civil também foi ao local e realizou a perícia e a remoção do corpo, em uma operação que teve fim às 5h10 desta manhã.
 
 
 

Tragédia

Em nota, a Saneago detalhou o acidente: "Jucélio passava pela calçada da unidade, quando o terreno cedeu, criando uma cratera no local". Segundo o Corpo de Bombeiros, um companheiro de trabalho da vítima estava ao seu lado na hora em que o solo cedeu, mas ele conseguiu escapar ileso.

Ainda não se sabe o que provocou a cratera, mas os trabalhadores da empresa relataram que uma tubulação havia se rompido, vindo a sedimentar o solo. Devido a complexidade, a operação empregou 21 bombeiros, dois policiais militares e dois integrantes da Defesa Civil. Foram usadas ainda três retroescavadeiras para auxiliar na busca. 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade