Publicidade

Correio Braziliense

Incêndio em apartamento deixa casal morto na Asa Norte

O fogo atingiu três cômodos do apartamento, que fica no quarto andar do Bloco A da 310 Norte


postado em 30/01/2019 06:49 / atualizado em 30/01/2019 21:05

Um casal de idosos morre queimado durante incêndio em apartamento na 310 Norte(foto: Alan Rios/ Esp CB/D.A Press)
Um casal de idosos morre queimado durante incêndio em apartamento na 310 Norte (foto: Alan Rios/ Esp CB/D.A Press)

 

Um incêndio na SQN 310 deixou duas pessoas mortas na manhã desta quarta-feira (30/1). O Corpo de Bombeiros foi até o local por volta das 5h e conseguiu retirar José Bandeira da Silva, 80 anos, mas ele morreu após 50 minutos de massagem cardiorrespiratória. Já Veiguima Martins, 56, morreu carbonizada no quarto. Segundo vizinhos, as vítimas eram casadas. A polícia investiga o caso como feminicídio.
 


O fogo atingiu três cômodos do apartamento, que fica no quarto andar do Bloco A. O prédio foi evacuado do 1° ao 6° andar, por volta das 5h. Um dos moradores acordado pelo Corpo de Bombeiros foi o médico Rodolfo Duarte, 37. "Acordei bastante assustado, só deu tempo pegar o cachorro, o celular e descer. Todos os moradores foram para baixo do prédio, e só quando cheguei lá é que comecei a processar as informações, me dar conta de tudo o que estava acontecendo."

Ver galeria . 16 Fotos Ana Rayssa/Esp. CB/D.A Press
(foto: Ana Rayssa/Esp. CB/D.A Press )


"Recebemos o chamado às 4h51. O fogo começou em um quarto, mas atingiu todo o apartamento. Quando entramos, conseguimos resgatar o senhor, que estava na sala."

Um dos porteiros do prédio, que não quis se identificar, disse que a mulher que morreu tinha filhos de um outro relacionamento, que constantemente a visitavam. "Eles eram um casal tranquilo, que não saía muito, e ele já estava debilitado também, andava com dificuldade."

Por volta das 8h, peritos da Polícia Civil chegaram para levantar pistas que possam elucidar os fatos. O caso será investigado pela 2° Delegacia de Polícia (Asa Norte).

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade