Publicidade

Correio Braziliense

DF registra o janeiro menos violento no trânsito em 24 anos

Mesmo com os dados preliminares, as informações apontam que essa é a maior redução desde 1995, quando começaram os registros de acidentes de trânsito


postado em 07/02/2019 21:03 / atualizado em 07/02/2019 21:03

O menor número apontado anteriormente foi em março de 2017, com 13 óbitos. (foto: Divulgação/Detran-DF)
O menor número apontado anteriormente foi em março de 2017, com 13 óbitos. (foto: Divulgação/Detran-DF)

Desde o início do ano, o Departamento de Trânsito do Distrito Federal (Detran-DF) tem realizado ações conjuntas com outros órgãos da Segurança Pública, com o objetivo de diminuir a ocorrência de acidentes e mortes no trânsito. Segundo o órgão, o mês de janeiro registrou 11 mortes nas vias do DF. Isso indica que houve 68,5% de casos a menos em relação ao mesmo período do ano passado, quando foram registrados 35 vítimas. 

Segundo o levantamento feito pelo Detran-DF, os óbitos registrados em janeiro são de oito pedestres, dois condutores e um ciclista. Mesmo com os dados preliminares, as informações apontam que essa é a maior redução desde 1995, quando começaram os registros de acidentes de trânsito na capital. O menor número apontado anteriormente foi em março de 2017, com 13 mortes. 

Em relação a outras ocorrências, 1.411 condutores foram autuados por embriaguez, 684 sem habilitação e 53 com o direito de dirigir suspenso ou cassado. Segundo dados da Companhia de Polícia de Trânsito (CPTran), o número de infratores por embriaguez aumentou mais de 28% em relação a janeiro do ano passado. 

Além disso, outros fatores contribuem para casos de acidentes no trânsito, como o uso de celulares, que aumentou mais de 38%, a falta de uso do cinto de segurança, mais de 3%. Os dados são referentes a janeiro de 2018 e 2019. 
 

Operação Segurança na Faixa


Na intenção de garantir a segurança do pedestre durante a travessia das vias, o Departamento de Trânsito do Distrito Federal (Detran-DF), iniciou, na terça-feira (5/2), a Operação Segurança na Faixa.  A ação vai contribuir para a diminuição dos acidentes e de infrações no trânsito, uma vez que a maior parte dos condutores desrespeitam a sinalização e coloca os pedestres em risco. 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade