Cidades

Familiares de presos protestam em frente à Vara de Execuções Penais

Cerca de 100 pessoas pedem liberdade a quem tem direito ao regime semiaberto

Correio Braziliense
Correio Braziliense
postado em 13/04/2020 10:18
Familiares também pedem permissão para a entrada de dinheiro, frutas e materiais de higieneFamiliares de detidos no sistema penitenciário do Distrito Federal protestam na manhã desta segunda-feira (13/4). Cerca de 100 pessoas se manifestaram em frente à Vara de Execuções Penais (VEP) cobrando medidas de precaução eficaz contra o avanço do coronavírus no Complexo Penitenciário da Papuda.

Até o final da última semana, 12 policiais penais e um interno tinham recebido exames que apontaram a contaminação pela Covid-19. Os familiares já haviam realizado um protesto no mesmo local, na última sexta-feira (9/12). Eles pedem para que seja liberada a entrada de dinheiro, itens de higiene e frutas para os detentos.

Em 12 de março, as visitas nas unidades prisionais foram suspensas para evitar contágios. A Justiça também antecipou a progressão do regime semiaberto aos custodiados que receberiam o benefício da prisão domiciliar até 17 de julho.

A Associação Humanizando Presídios do Distrito Federal (Ahup/DF), porém, não participa dos atos e informou não apoiar aglomerações neste momento em que a capital enfrenta uma pandemia.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação