Publicidade

Correio Braziliense

Técnica de enfermagem é encontrada morta em UPA do Núcleo Bandeirante

O caso ocorreu na madrugada desta sexta-feira (29/5). Não houve divulgação sobre a causa do óbito


postado em 29/05/2020 16:05 / atualizado em 29/05/2020 16:15

Ainda não se sabe a causa da morte da técnica de enfermagem(foto: Antonio Cunha/Esp. CB/D.A Press)
Ainda não se sabe a causa da morte da técnica de enfermagem (foto: Antonio Cunha/Esp. CB/D.A Press)
Uma técnica de enfermagem, de 43 anos, foi encontrada morta dentro da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Núcleo Bandeirante. O caso ocorreu na madrugada desta sexta-feira (29/5) e é apurado pela 29ª Delegacia de Polícia (Riacho Fundo). Não houve divulgação sobre a causa do óbito.

O Instituto de Gestão Estratégica de Saúde do Distrito Federal (IGESDF) confirmou a morte e esclareceu que buscará mais informações. No mais, a pasta destacou que “se solidariza com os familiares, amigos e colegas pela perda.”

De acordo com Newton Batista, vice-presidente do Sindicato dos Auxiliares e Técnicos em Enfermagem do DF (Sindate), não há suspeita de que a servidora da saúde estava contaminada pelo novo coronavírus. Ele afirmou que o Instituto de Medicina Legal (IML) realiza os exames para confirmar a causa da morte. 

“Lamentamos o ocorrido e nos solidarizamos com a perda da família. Iremos acompanhar a apuração do caso e cobraremos explicações para o Iges, que é responsável pela UPA do Núcleo Bandeirante. Nos preocupamos com a situação dos profissionais de saúde em meio a esta pandemia”, diz.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade