Publicidade

Correio Braziliense

Covid-19: Distrito Federal contabiliza mais quatro mortes pela doença

O número de pessoas contaminadas também subiu, com 142 novos diagnósticos, chegando a 11.398 infectados


postado em 03/06/2020 12:24 / atualizado em 03/06/2020 12:36

Um total de 47,52% dos leitos disponíveis nas Unidades de Terapia Intensiva (UTI) da rede pública estão ocupado(foto: Davidyson Damasceno/ASCOM IGESDF)
Um total de 47,52% dos leitos disponíveis nas Unidades de Terapia Intensiva (UTI) da rede pública estão ocupado (foto: Davidyson Damasceno/ASCOM IGESDF)
A Secretaria de Saúde do Distrito Federal (SES-DF) contabilizou quatro novas mortes pelo novo coronavírus nesta quarta-feira (3/6), alcançando 167 óbitos. Os dados disponibilizados pela pasta às 12h01 também apontam que mais 142 pessoas foram diagnosticadas com o vírus, registrando 11.398 casos. 

Do total de contaminados, 6.360 se recuperaram da doença. Dos casos ativos, 71 têm quadro clínico considerado grave e 232 estão com infecções moderadas. Além disso, 47,52% dos leitos disponíveis nas Unidades de Terapia Intensiva (UTI) da rede pública de saúde para o tratamento da covid-19 já estão ocupados. 

Ceilândia tem 1.233 pessoas com resultado positivo para o vírus, sendo a cidade com o maior número de diagnósticos da capital federal. O Plano Piloto tem 1.035 casos, ocupando o segundo lugar no ranking. Taguatinga está em terceiro, com 771 infectados, e Samambaia aparece em quarto, com 715 contaminados. 


O perfil dos pacientes indica que 52,3% são homens (5.956). Mulheres representam a 47,7%, com 5.442 diagnósticos. A faixa etária com maior número de diagnósticos são de pessoas entre 30 e 39 anos, com 3,22 mil doentes. Em seguida vem o grupo entre 40 e 49 anos (2,63 mil) e, em terceiro, jovens entre 20 e 29 anos (1,99 mil). 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade