Publicidade

Correio Braziliense

Globo estuda estratégia para evitar saída de Evaristo Costa

Jornalista estaria pensando em não renovar o contrato com a emissora para tirar um ano sabático ao lado da família fora do Brasil


postado em 21/07/2017 12:50 / atualizado em 21/07/2017 14:03

Atualmente, Evaristo está no comando do 'Jornal Hoje' e é plantonista do 'Fantástico'(foto: Instagram/Reprodução)
Atualmente, Evaristo está no comando do 'Jornal Hoje' e é plantonista do 'Fantástico' (foto: Instagram/Reprodução)

A notícia de que Evaristo Costa estaria pensando em não renovar seu contrato com a TV Globo pegou a internet de surpresa na última quarta-feira, 19. Segundo colunista do site UOL, o jornalista - queridinho dos internautas - pretende tirar um ano sabático fora do Brasil e ao lado da mulher e das duas filhas. 

Apesar disso, a emissora estuda uma estratégia para manter o vínculo com Evaristo, que atualmente está no comando da bancada do Jornal Hoje e é plantonista Fantástico. Segundo a coluna Zapping, do jornal Agora São Paulo, a Globo estaria disposta a oferecer um contrato a ele mesmo durante o período em que o jornalista estiver afastado de suas funções. 

Esta não é a primeira vez que a emissora levanta essa possibilidade. O mesmo já aconteceu com Glória Maria que, após emendar alguns anos no comando do Fantástico, pôde ficar fora do do ar durante o ano de 2008. 

Apesar da polêmica ter tomado conta da internet nos últimos dias, Evaristo Costa tem feito silêncio sobre o assunto. Em suas redes sociais, ele continua interagindo com os fãs, mas evita falar sobre o assunto. Nesta quinta-feira, 20, ele publicou uma foto em sua conta no Instagram sem comentar a possibilidade de deixar a emissora. 

"Na minha cidade. 'Mude suas opiniões, mantenha seus princípios. Troque suas folhas, mantenha suas raízes'", refletiu o jornalista ao publicar uma foto em que aparece em São José dos Campos, no interior de São Paulo. 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade