Publicidade

Correio Braziliense

Samba, jazz e rock animam a programação do feriado prolongado

Veja quais são as opções de eventos neste feriado


postado em 14/11/2019 06:30 / atualizado em 14/11/2019 09:43

Após o sucesso da primeira edição, o evento Cerva nos Eixos está de volta amanhã no Eixão do Lazer(foto: Ana Heffner/Divulgação)
Após o sucesso da primeira edição, o evento Cerva nos Eixos está de volta amanhã no Eixão do Lazer (foto: Ana Heffner/Divulgação)

 
Com o feriado da Proclamação da República na sexta-feira e a realização da 11ª Cúpula do Brics em Brasília, a cidade ganha uma atmosfera de recesso, com muitos órgãos públicos emendando os dias e criando uma folga prolongada para os servidores brasilienses. Com isso, a capital federal começa a se agitar hoje no quesito cultural. É o caso da recém-aberta casa noturna Blitz, que recebe o show do cantor Nasi, conhecido por ser vocalista da banda IRA!. O roqueiro fará uma apresentação em que celebrará os principais sucessos, como Dias de luta, Eu quero sempre mais e Tarde vazia.

No Galpão 17, no SIA, também é dia de música brasileira. Hoje, a casa noturna, que abre a partir das 19h, contará com apresentação da banda Velhas Virgens. Formado por Paulão de Carvalho (voz e gaita), Alexandre Cavalo Dias (guitarra), Tuca Paiva (baixo elétrico), Filipe Cirilo (guitarra), Simon Brow (bateria) e Juliana Kosso (voz), o grupo fará releituras de sucessos de Belchior, Caetano Veloso e Secos e Molhados.

A partir de amanhã, a programação engrena de vez. A começar pela segunda edição do evento Cerva nos Eixos, na altura da 112/113 Norte do Eixão do Lazer. A primeira edição reuniu 2,5 mil pessoas, em sua maioria, apreciadores de cervejas artesanais e de boa música. “É uma iniciativa independente das cervejarias, que estão buscando uma alternativa para revelar o mercado cervejeiro brasiliense. Nós queremos mostrar quem somos e ter essa aproximação do público”, explica Pedro Capozzi, um dos organizadores do evento, gerente comercial e sócio da cervejaria Cruls e presidente da Abracerva-DF.

A segunda edição tem início a partir das 10h e segue até as 17h, com 24 expositores de cervejas artesanais de Brasília e programação musical que reúne o projeto Jazz na Carta, a Escola de Samba da Vila Planalto, e uma roda de samba comandada por Jorginho Peixoto e banda. “A gente espera, na verdade, a mesma interação. Tivemos jazz na primeira edição e, agora, vamos inovar colocando uma roda de samba, o que não costuma acontecer nos eventos cervejeiros. As pessoas associam muito ao rock, mas a cerveja também é do sertanejo, do samba... Acho importante que o evento possa atingir cada vez mais público”, avalia. A intenção é continuar em 2020 com início próximo ao carnaval e seguindo até novembro.

O samba também terá vez no feriado. Primeiramente com a sambista Fabiana Cozza que traz, pela segunda vez, o show A dama dourada para a capital. A cantora fará uma apresentação tripla que tem início amanhã no Teatro da Caixa Cultural. No show, ela revisita o repertório de Dona Ivone Lara. No Canteiro Central, no Setor Comercial Sul, tem a quinta edição do Canteiro do Samba, iniciada do grupo 7 na Roda em parceria com o espaço. Dessa vez, os brasilienses recebem dois convidados: o projeto Goiaba Cascão e Dudu 7 Cordas com o show Pagode do Dudu.
 
O inglês Dreph é uma das atrações do Favela Talks amanhã na Birosca. Ele antecede a programação musical(foto: Humberto Araujo/Divulgação)
O inglês Dreph é uma das atrações do Favela Talks amanhã na Birosca. Ele antecede a programação musical (foto: Humberto Araujo/Divulgação)
 
Periferia e ocupação

Com atividades formativas iniciadas na semana, o festival Favela Sounds também tem programação especial para amanhã. A partir das 18h, o evento promove o Favela Talks no espaço Birosca, no Conic, com a presença de quatro artistas que fazem parte da iniciativa: Felipe Pomar (BA), da banda baiana TrapFunk&Alívio; Dreph (GBR), artista plástico inglês que participou da primeira residência artística do Favela Sounds em Sol Nascente; Ana Paula Paulino (MG/RJ), empresária, produtora cultural e nome por trás das carreiras de MC Carol, Heavy Baile e Abronca; e Doralyce (PE), a Miss Beleza Universal.

“O Favela Talks é uma ideia que surgiu ao longo desse ano e que estamos viabilizando com recursos próprios. Ele é uma pré-estreia de um projeto que queremos fazer no primeiro semestre de 2020, em maio. Resolvemos convidar quatro empreendedores e artistas criativos da periferia para fazer debates de 40 minutos que serão conduzidos pelo antropólogo Dennis Novaes. A ideia do projeto é criar o primeiro ambiente de mercado criativo das quebradas do país”, revela Guilherme Tavares, produtor cultural e idealizador do Favela Sounds.

Após a programa de debates, a Birosca será palco da festa de abertura do festival, a partir das 22h. No line-up estarão Djam Neguim, DJ Donna, Felipe Pomar e DJ Tyrone. A entrada é gratuita, mediante retirada do ingresso no site Sympla. Da mesma forma que o festival, que ocorre no sábado e no domingo no Estádio Nacional de Brasília Mané Garrincha.

Após o encontro de grafiteiros que revitalizou o chamado “Beco do Rato” no Setor Comercial Sul, a festa Afete-se promove a reinauguração do espaço com um evento amanhã, a partir das 22h, com presença de DJs residentes e locais. A entrada é franca, com cortesia disponível no site Sympla.

SERVIÇO

Afete-se de Reinauguração
Novo Beco do Setor Comercial Sul. Amanhã, às 22h. Festa de reinauguração do novo beco do Setor Comercial Sul após ocupação de grafiteiros. O evento terá discotecagem de DJs locais. Entrada franca com retirada do ingresso em www.sympla.com.br. Não recomendado para menores de 18 anos.

Banda Lavi — Proclamação da Cerveja
O’Rilley Irish Pub (409 Sul). Amanhã, às 18h. Evento Proclamação da Cerveja com shows de DJ Marcinho, Banda Lavi, Fuzo, e Magoo. Entrada franca até as 20h, com retirada de ingresso pelo site www.sympla.com.br. Com nome na lista (que deve ser enviado para bandamagoo@gmail.com até as 18h do dia do evento): R$ 10 (mulher) e R$ 20 (homem), até as 23h. Sem nome na lista e sem ingresso antecipado: R$ 30 (até as 23h) e R$ 40 (após). Valores de meia-entrada. Não recomendado para menores de 18 anos.

Candy Kush de volta 0800 — Véspera de feriado
Birosca (Conic — SDS). Hoje, às 22h. Mais uma edição da festa com apresentação de 10 DJs. Entrada franca até as 23h, mediante retirada de ingresso em www.sympla.com.br. Sem a cortesia, R$ 20 (até as 23h) e R$ 30 (após). Valores de meia-entrada e sujeitos a alteração. Não recomendado para menores de 18 anos.

Canteiro do Samba
Canteiro Central (SCS, Qd. 3, Bl. A). Amanhã, às 17h. Com show do 7naRoda, Goiaba Cascão e Pagode do Dudu, com Dudu 7 Cordas. Entrada franca. Classificação indicativa livre.

2º Cerva nos Eixos
Eixão (112/113 Norte). Amanhã, a partir das 10h. Com 24 expositores cervejeiros e atrações musicais Jazz na Carta, Escola de Samba da Vila Planalto e Roda de samba com Jorginho Peixoto e banda. Entrada franca. Classificação indicativa livre.

A dama dourada com Fabiana Cozza
Caixa Cultural Brasília (SBS, Qd. 4, Lt. 3/4). Amanhã, às 20h. Com show da cantora Fabiana Cozza do projeto A dama dourada, em que homenageia Dona Ivone Lara. Entrada a R$ 15 (meia) e R$ 30 (inteira). Não recomendado para menores de 10 anos.

Favela Sounds — Festa de abertura e Favela talks
Birosca (Conic -- SDS). Amanhã, às 18h. Favela talks com Felipe Pomar, Dreph, Ana Paula Paulino e Doralyce. Às 22h. Festa oficial de abertura do festival Favela Sounds com shows de Djam Neguim, DJ Donna, Felipe Pomar e DJ Tyrone. Cortesias disponíveis no site do www.sympla.com.br e válida até as 23h. Depois, a entrada custa R$ 20. Valores de meia-entrada. Não recomendado para menores de 18 anos.

Nasi
Blitz (904 Sul — Clube da Asceb). Hoje, às 18h. Com show do cantor Nasi da banda IRA!, do Projeto Minduim, Rock Beats, Caos Lúdico e Banda Line. Entrada a partir de R$ 35 (meia-entrada e segundo lote). À venda em www.sympla.com.br. Não recomendado para menores de 18 anos.

Velhas Virgens
Galpão 17 (SMAS, AE G, Cj. A, Lt. 16/17). Hoje, às 19h. Com show da banda Velhas Virgens da turnê O bar me chama. Entrada a R$ 20 (primeiro lote), R$ 30 (segundo lote), R$ 40 (terceiro lote) e R$ 50 (no evento). Valores de meia-entrada e sujeitos a alteração. À venda em www.sympla.com.br. Não recomendado para menores de 18 anos.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade