Publicidade

Correio Braziliense

CCXP: Homenageado Cao Hamburger revela detalhes de 'As five'

Criador de 'Castelo Rá-Tim-Bum' abriu a programação da CCXP no Auditório Cinemark e detalhou o que vem por aí na nova série do Globoplay


postado em 05/12/2019 14:51 / atualizado em 05/12/2019 15:09

Cao Hamburger fala sobre seriado 'As five'(foto: Adriana Izel/CB/D.A Press)
Cao Hamburger fala sobre seriado 'As five' (foto: Adriana Izel/CB/D.A Press)

São Paulo — sexta edição da CCXP teve início nesta quinta-feira (5/12) e a abertura da programação da feira ficou por conta da homenagem ao cineasta Cao Hamburger.

Escolhido por conta do currículo para o tributo, o roteirista foi o primeiro convidado a subir no palco do Auditório Cinemark, por onde passarão nomes como Gal Gadot e Ryan Reynolds. A homenagem se concentrou na criação da série infanto-juvenil Castelo Rá-Tim-Bum, que completou 25 anos, e no próximo trabalho, o seriado As five, spin-off de Malhação: Viva a diferença.

Hamburger reconheceu o que levou Castelo Rá-Tim-Bum ao sucesso. "O conteúdo e o formato são muito atuais e dinâmico. A gente soube do sucesso mesmo quando o público viu. Canais norte-americanos tentaram comprar os direitos. Nós poderíamos ter sido algo como Harry Potter, já que viemos antes", afirmou entre risos.

O cineasta aproveitou para falar dos projetos futuros. Ele trabalha atualmente no roteiro de um longa-metragem que se passará numa escola pública. Em 2020, ele volta às telas com o lançamento da série As five, no Globoplay, serviço de streaming da Globo.

A série é um spin-off de Malhação: Viva a diferença com o foco nas cinco personagens principais. Em 12 episódios, o público poderá ver as personagens seis anos depois dos acontecimentos do folhetim, com conflitos relativos aos jovens adultos.

"A gente tinha contado as histórias delas na escola. Agora vemos essas personagens em outro universo. Elas têm as mesma idade agora das atrizes", explica Cao Hamburger. Para o elenco, esse foi um dos desafios, se perceber naquele papel dois anos após o fim da novela em outro patamar da vida. "Para manter essa mesma personagem mais velha, a gente conversou muito sobre o que aconteceu até chegarmos nessa história", completa Daphne Bozaski.

Assim como ficou marcada na novelinha, a trama das meninas continuará seguindo com a força do protagonismo feminino, sob o ponto de vista do mundo atual. Porém, com uma outra linguagem. "A gente usou na novela um pouco de linguagem de série. Mas foram 213 capítulos, aqui são 12 episódios. Tudo é feito mais rápido. A gente não precisa mostrar todos os passos do personagem até ali. O público preenche com a imaginação", afirma Cao.

Uma segunda temporada já está confirmada mesmo antes da estreia. No entanto, sem previsão de lançamento. Durante o painel foi exibido o primeiro trailer da série.

Também nesta quinta, o Globoplay anunciou a chegada de 16 séries originais no serviço, incluindo As five. Desalma, Onde está meu coração, segunda temporada de Aruanas e Arcanjo renegado estão entre os outros projetos. 

Veja a lista completa dos lançamentos Globoplay na CCXP19:

Hebe - 13/12/19
O auto da compadecida - Dezembro/2019
Chacrinha - Janeiro/2020
Arcanjo renegado - Fevereiro/2020
Desalma - Março 2020

Também em 2020
Onde está meu coração 
As five
Caso Evandro 
A Divisão (Temporada 2)
Aruanas (Temporada 2)

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade