Diversão e Arte

Atriz que participou de 'Capitão América' é acusada de matar a mãe nos EUA

Mollie Fitzgerald interpretou Stark Girl na produção da Marvel

Agência Estado
postado em 02/01/2020 12:08

Mollie Fitzgerald é acusada de esfaquear e matar a própria mãe

Uma atriz que teve um pequeno papel no filme Capitão América: O Primeiro Vingador é acusada de esfaquear e matar a própria mãe dentro de uma casa suburbana de Kansas City, cidade do Estado de Missouri, nos Estados Unidos.

Mollie Fitzgerald, de 38 anos, foi presa na terça-feira (31/12) pela polícia em Olathe, Kansas, segundo informou o jornal Kansas City Star. Acusada de assassinato em segundo grau e presa sob fiança de US$ 500 mil (cerca de R$ 2 milhões), ela interpretou Stark Girl na produção da Marvel.

A vítima, Patricia "Tee" Fitzgerald, de 68 anos, foi encontrada morta em 20 de dezembro na própria casa, segundo as autoridades. De acordo com informações do site americano TMZ, na residência, os oficiais, que foram atender a um chamado por distúrbio armado, encontraram Patricia morta por um golpe de facada. Mollie também foi encontrada no local com ferimentos leves e levada ao hospital.

O site IMDb diz que Mollie Fitzgerald é diretora e produtora de filmes, além de atriz. Ela trabalhou principalmente em filmes de baixo orçamento, incluindo The Lawful Truth em 2014 e The Creeps em 2017.


Além de atuar como Stark Girl em Capitão América, a atriz trabalhou como assistente do diretor, Joe Johnston. O filme arrecadou US$ 176,6 milhões nos Estados Unidos.

Gary Hunziker, irmão de Patricia, disse que sabia poucos detalhes sobre as circunstâncias que cercam o crime. "Ficamos chocados", afirmou, completando que "não importam as circunstâncias - a perda de uma irmã é o que importa".

A polícia informou ainda que o caso está sob investigação e que não pode dar mais detalhes.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação