Diversão e Arte

Dj Maya faz live beneficente em parceria com a Casa Rosa

A apresentação visa arrecadar fundos para a Casa Rosa, centro de apoio à população LGBTQIA%2b

Correio Braziliense
Correio Braziliense
postado em 24/06/2020 18:00
A apresentação visa arrecadar fundos para a Casa Rosa, centro de apoio à população LGBTQIA%2bA Casa Rosa, localizada em Sobradinho, é um centro de apoio à população LGBT. O objetivo do projeto é oferecer serviços de amparo a este público, bem como suporte jurídico, assistência psicossocial e espaço de convivência. Em meio à pandemia, o local, que sobrevive por meio de doações, está em busca de ainda mais contribuições para atender a comunidade.

Pensando nisso, a brasiliense Dj Maya organizou a terceira live deste ano. A apresentação será beneficente e tem como meta arrecadar recursos para a Casa Rosa. A apresentação, coincidentemente, será no dia do aniversário da artista, em 2 de julho. Como presente, ela pediu ao público para doar alguma quantia para a iniciativa. ;Nós, como artistas, e os fãs, como público, também têm a responsabilidade social, acoplada à arte. Então a ideia é ajudar a comunidade LGBT mais vulnerável; declarou Maya. O evento virtual será veiculado pelo Facebook, no perfil Mayana Henrique, às 18h.

A apresentação visa arrecadar fundos para a Casa Rosa, centro de apoio à população LGBTQIA%2bPara o repertório, a Dj, que se reconhece como Mutchacha Loca, preparou uma programação que contempla uma mistura do tribal brasileiro e da cultura guaracha latina. Além disso, Maya conta que a apresentação terá ;muita performance artística;. Ela enfatiza ainda que todo o evento está sendo planejado há um certo tempo. ;A live será gravada em um duplex, com uma estrutura muito maior, com áudio melhor e uma apresentação mais bem elaborada;, finalizou a artista.

[SAIBAMAIS]A expectativa da equipe da casa de apoio para a live é grande e a parceria com a Dj já existia antes do convite para a apresentação. ;A necessidade do acolhimento aumentou muito com a quarentena, aumentaram as agressões, a violência, a intolerância e, principalmente, a homofobia doméstica principalmente. Por isso, pensamos em fazer a live. A Maya já dava esse estímulo e essa coragem para conseguirmos guiar o trabalho. O aniversário é dela, mas nós também estamos ganhando um presente;, completou Patrick Coutinho, integrante da equipe da Casa Rosa.

Para contribuir com a arrecadação de fundos para a Casa Rosa, durante a live, basta acessar o link da vakinha disponibilizado durante a transmissão ao vivo.



Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação