Publicidade

Correio Braziliense

Vídeo de meninos tailandeses presos em caverna viraliza na internet

Imagens dos meninos dentro de uma caverna ao Norte da Tailândia feita por um socorrista britânico mostram os jovens que estavam perdidos há mais de nove dias


postado em 03/07/2018 09:21 / atualizado em 03/07/2018 10:49

(foto: Reprodução/Facebook)
(foto: Reprodução/Facebook)


Alguns dos 'Javalis Selvagens' cobriam as pernas com as camisetas vermelhas da equipe de futebol, numa tentativa de se protegerem do frio. Todos pareciam atordoados, mas os que se comunicaram com o socorrista britânico que os encontrou em uma caverna inundada do Norte da Tailândia aparentavam lucidez, apesar de mais de uma semana sem comer. O vídeo (veja abaixo), divulgado no perfil da Marinha Tailandesa no Facebook, contabilizava mais de 18 milhões de visualizações e 775 mil compartilhamentos até a manhã desta terça-feira (3/7).



Apesar de preocupantes, as imagens das crianças abatidas e com fome serviram de alívio para todos que acompanham o resgate. No vídeo é possível notar a dificuldade deles ao serem  atingidos pela luz da lanterna do socorrista, já que passaram os últimos dias em completa escuridão na gruta inundada. Os 12 garotos, com idades entre 11 e 16 anos, e seu treinador, de 25, conversam rapidamente com o mergulhador britânico que esteve com eles na noite de segunda-feira.

O comovente "obrigado" em coro, em inglês, por parte da equipe dá início ao diálogo, assim que veem os socorristas surgindo das águas. Um dos britânicos questiona ao grupo quantos estavam alí enquanto visualiza o grupo com a ajuda da lanterna. Um dos jovens responde que há 13 pessoas no local, o que alegra o mergulhador que responde com um "Treze? Ótimo!"

Susurros em tailandês são ouvidos no restante da gravação, interrompidos pelo mergulhador que responde a um deles sobre quando eles vão conseguir sair dali. "Não, hoje não [...] Somos dois, é preciso mergulhar [...] Tem muita gente a caminho, muita, muita gente, nós somos os primeiros", explica o mergulhador.

Um dos mergulhadores entrega a um dos jovens uma lanterna, momento em que a câmera se desestabiliza e o som desaparece, voltando em seguida. "Estou muito feliz", diz, então, um dos adolescentes. "Nós também estamos felizes", responde o socorrista.

Ver galeria . 18 Fotos Lillian Suwanrumpha/AFP
(foto: Lillian Suwanrumpha/AFP )

Mergulhadores britânicos participam do resgate

Os britânicos Robert Harper, Richard Stanton e John Volanthen chegaram à Tailândia na quarta-feira passada para ajudar as equipes de resgate. Dois deles conseguiram localizar os garotos antes dos especialistas da Marinha tailandesa. Ainda não se sabe quem fala no vídeo, já que a equipe se mantém afastada da imprensa.

Com informações da France Presse

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade