Publicidade

Correio Braziliense

Vila Isabel reclama de falta de apoio para enredo sobre Brasília

No ano em que Brasília completa 60 anos, a cidade será tema do samba-enredo da Unidos de Vila Isabel


postado em 16/02/2020 08:00 / atualizado em 19/02/2020 12:26

Membros da Unidos da Vila Isabel, no Rio de Janeiro, em 2019(foto: AFP / Mauro Pimentel)
Membros da Unidos da Vila Isabel, no Rio de Janeiro, em 2019 (foto: AFP / Mauro Pimentel)
Os diferentes traços da capital federal também ganharão destaque no desfile do Grupo Especial do Rio de Janeiro. No ano em que Brasília completa 60 anos, a cidade será tema do samba-enredo da Unidos de Vila Isabel. A ideia foi concretizada com um termo de cooperação assinado pelo Governo do Distrito Federal (GDF) e a agremiação, em maio do ano passado.

No entanto, a parceria, comemorada por ambos no início, não tem agradado o presidente da escola carioca, Fernando Fernandes, que reclama da falta de compromisso do GDF. “Nós fizemos uma parceria com o governo para homenagear os 60 anos de Brasília, cumprimos toda nossa parte desde maio de 2019, mas não recebemos nada de aporte financeiro. Nenhum valor”, critica. De acordo com o presidente da Vila Isabel, o governo da capital repassaria R$ 4 milhões.

“Quando entramos em contato com eles, eles falam que estão resolvendo. Fizemos dívidas contando com isso. Faltam 10 dias para o carnaval e não tem nada resolvido”, conta Fernando. A escola contará a história de Brasília como uma lenda indígena.

De acordo com o GDF, o governo ajudaria a escola na captação de recursos para financiamento do carnaval, por meio da Lei Rouanet. O Correio entrou em contato com a Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa do DF, mas não obteve retorno até a publicação desta matéria.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade