Publicidade

Correio Braziliense

"Vai tomar no c..., PT e PSol", diz Carlos Bolsonaro em grupo de vereadores

Mensagem foi enviada pelo vereador Carlos Bolsonaro em um grupo de WhatsApp que reúne vereadores do Rio de Janeiro de vários partidos


postado em 28/05/2020 20:50

(foto: Ed Alves/CB/D.A Press)
(foto: Ed Alves/CB/D.A Press)
O vereador carioca Carlos Bolsonaro (PSC) trocou o celular e estreou o número novo no grupo de WhatsApp da Câmara de Vereadores com uma mensagem repleta de palavrões dirigidas aos partidos de esquerda. 

"Vtnc, PT e piçóu (Vai tomar no c..., PT e PSol). Vamos avançar seus merdas", escreveu o filho do presidente Jair Bolsonaro no grupo, que reúne parlamentares de todos os partidos da casa legislativa. A informação é do colunista Lauro Jardim, do jornal O Globo, que exibiu os prints das conversas. 

Alguns parlamentares protestaram e o vereador Reimont (PT) sugeriu que Carlos enviasse aquela mensagem ao ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF). Foi Moraes quem autorizou a ação da Polícia Federal contra apoiadores do presidente suspeitos de disparar fake news e ameaças à Corte pelas redes sociais.

"Manda para a sua mãe, reimont", respondeu ao petista Carlos, que ainda chamou de "imbecil" Renato Cinco.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade