CASO MARI FERRER

Constantino rebate Anitta: "Não te respeito como pensadora nem como mulher"

O jornalista Rodrigo Constantino lamentou o fato de a cantora ter feito críticas a ele após um comentário a respeito de estupro que o fez ser demitido

Ana Mendonça*/Estado de Minas
postado em 07/11/2020 20:27
 (crédito: Reprodução/YouTube)
(crédito: Reprodução/YouTube)

O jornalista e economista Rodrigo Constantino se emocionou ao falar sobre a repercussão a um comentário que fez sobre estupro, tendo como pando de fundo o julgamento que inocentou o empresário André Aranha, acusado de estuprar a influencer Mari Ferrer.

Na transmissão ao vivo, realizada na quinta-feira (5/11), Constantino ficou com os olhos marejados ao mencionar a filha, que se pronunciou sobre o episódio em um vídeo, no qual disse que o pai nunca seria a favor do estupro.

"Você imagina o que é ver uma Anitta massacrando teu pai como um defensor de estuprador. Você imagina o que deve ser isso na cabeça dela", disse o jornalista.

Em vídeo que viralizou nas redes sociais, o colunista afirmou, ao comentar o caso Mari Ferrer, que não faria denúncia caso a filha dissesse que foi estuprada estando bêbada.

Constantino ainda defendeu que “dá boa educação para que isso não aconteça” com sua filha. “Mas, se ela chegar em casa e disser ‘Fui estuprada’, vou pedir para ela me dar as circunstâncias”, comentou. O vídeo motivou a demissão do jornalista da rádio Jovem Pan e de vários outros veículos.

Repúdio de Anitta

Após repercussão do caso, Anitta repudiou as falas de Constantino. "Coitada da sua filha e de você, que nunca vai saber quem são seus filhos de verdade porque nunca que vão compartilhar a vida deles com um ser vivo desse”, escreveu a cantora nas redes sociais.

Durante a live, Constantino chorou ao citar a fala de Anitta. "Olha, não te respeito como pensadora nem como mulher, e todo meu esforço ao educar a minha filha é justamente para ela ser o seu oposto. Tenho tido muito sucesso", declarou.

*Estagiária sob supervisão da equipe do Estado de Minas

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação