PLATAFORMA ON-LINE

Facebook suspende postagens de Olavo de Carvalho por sete dias

Rede social aponta discurso de ódio em conteúdo do filósofo de extrema direita

Correio Braziliense
postado em 24/02/2021 20:12 / atualizado em 24/02/2021 22:09
Olavo de Carvalho já foi bloqueado em outras plataformas, como Pagseguro e Paypal -  (crédito: Reprodução/Telegram)
Olavo de Carvalho já foi bloqueado em outras plataformas, como Pagseguro e Paypal - (crédito: Reprodução/Telegram)

O Facebook suspendeu temporariamente as publicações de Olavo de Carvalho. O filósofo, que é tido como um guru do governo de Jair Bolsonaro, é acusado de ter feito propagação de discurso de ódio, assédio e bullying na rede. Ele estará impedido de fazer publicações e comentários por sete dias.

A divulgação do bloqueio foi feita pelo próprio Olavo de Carvalho, por meio de um canal de mensagens no aplicativo Telegram. Segundo a imagem compartilhada por ele, quatro publicações divulgadas entre dezembro de 2020 e fevereiro deste ano não seguiram os Padrões da Comunidade.

A primeira, de 7 de dezembro, teria descumprido as normas de “assédio e bullying”. Duas, de 11 de janeiro e de 16 de fevereiro, não teriam seguido os padrões do Facebook. A última, publicada nesta quarta-feira (24/2), teria sido sobre o discurso de ódio. Além da imagem sobre o bloqueio da conta, Olavo de Carvalho ironizou a medida. “Lindeza de Peixebúki”, escreveu.

 

Conversa de Olavo de Carvalho sobre bloqueio no facebook
Conversa de Olavo de Carvalho sobre bloqueio no facebook (foto: Reprodução/Telegram)

Outros bloqueios 

Não é a primeira vez que Olavo de Carvalho é acusado de disseminar conteúdo de ódio na internet. Em agosto do ano passado, a plataforma de pagamentos on-line PayPal bloqueou a conta do escritor, por considerar que ele compartilhava o tipo de conteúdo. Em 11 de janeiro, ele também foi bloqueado na plataforma PagSeguro, pela mesma razão.


Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE