CÚPULA DO G20

Brasil será a sede do encontro do G20 em 2024

O anúncio já havia sido realizado no fim da edição de 2020, realizada na Arábia Saudita.

Fernanda Strickland
postado em 31/10/2021 19:02 / atualizado em 31/10/2021 19:03
 (crédito: Erin Schaff/AFP)
(crédito: Erin Schaff/AFP)

Neste domingo (31/10), ocorre na Itália o encontro que reúne as vinte maiores economias do mundo, e em 2024 será a vez do Brasil receber a cúpula do G20. O anúncio já havia sido realizado no fim da edição de 2020, realizada na Arábia Saudita. Entretanto, a cidade que será sede do evento ainda não foi divulgada.

Essa será a terceira vez que uma reunião do grupo será realizada na América Latina. Em 2012, a cidade de San José del Cabo, no México, foi a primeira. Já em 2018, a reunião foi realizada em Buenos Aires, na Argentina. Com o encerramento do encontro de 2021, em Roma, na Itália, a edição de 2022 será realizada na Indonésia em 2022 e na Índia em 2023.

O Grupo dos 20 foi criado em 1999 como resposta às crises financeiras daquela década, concebido inicialmente como um fórum de diálogo econômico entre ministros de finanças e presidentes de bancos centrais. Após a crise financeira global de 2008, chefes de Estado e outros ministros passaram a participar dos encontros.

A composição permanente é feita por: África do Sul, Alemanha, Arábia Saudita, Argentina, Austrália, Brasil, Canadá, China, Coreia do Sul, Estados Unidos, França, Índia, Indonésia, Itália, Japão, México, Reino Unido, Rússia, Turquia e União Europeia. Os países representam 80% do Produto Interno Bruto (PIB) global, 75% das exportações, cerca de 70% dos investimentos diretos estrangeiros e 60% da população mundial.

 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE