Perigo em Minas

Crianças são salvas por professores e escapam de incêndio em creche mineira

Fogo começou na cozinha da unidade de ensino, com um vazamento na mangueira que sai do botijão de gás; apenas um adulto ficou ferido

Ivan Drummond - Estado de Minas
postado em 24/11/2021 15:48
Fogo destruiu praticamente toda a cozinha da creche de Coronel Fabriciano -  (crédito: CBMMG/Divulgação)
Fogo destruiu praticamente toda a cozinha da creche de Coronel Fabriciano - (crédito: CBMMG/Divulgação)

Um homem ficou ferido, com queimaduras no braço direito, após tentar evitar o incêndio, na tarde desta terça-feira (23/11), em uma creche em Coronel Fabriciano, no Vale do Aço. Ele e outros professores foram fundamentais para evitar que o fogo causasse uma tragédia ao retirar todas as crianças da edificação.

Os alunos, inclusive, foram retirados do local, a partir do alerta feito pelo homem que se machucou. "Um colaborador ao tentar retirar o botijão em chamas do local, antes da chegada das guarnições, teve seu braço direito queimado e foi conduzido ao Hospital Jose Maria de Morais, consciente e orientado", afirma, por nota, o Corpo de Bombeiros.

O local foi isolado pelos militares, que retiraram o botijão e ainda debelaram as chamas que ameaçavam se expandir para o restante do imóvel. O imóvel que fica na Rua Vale do Juruá, no Bairro Morada do Vale, está, agora, sob a responsabilidade do Secretário de Governança Educacional e Cultura do município, Carlos Alberto Serra Negra, que esteve na creche.

O homem que queimou o braço foi o único ferido, segundo os bombeiros.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE