Temporal

Sobe para 38 o número de mortos devido às chuvas em Petrópolis

Mais três corpos foram encontrados na manhã desta quarta-feira; buscam continuam

Thays Martins
postado em 16/02/2022 09:33
 (crédito: CBMERJ/ divulgação )
(crédito: CBMERJ/ divulgação )

A Defesa Civil do Rio de Janeiro informou que foram localizados mais três corpos de vítimas das chuvas em Petrópolis, região serrana do Rio de Janeiro, na manhã desta quarta-feira (16/2). Com isso, subiu para 38 o número de mortos devido ao forte temporal que atingiu a região nesta terça-feira (15/2).

De acordo com a prefeitura do município, foram registrados 171 deslizamentos de terra na região. O Corpo de Bombeiros ainda não sabe precisar o número de desaparecidos. Os desabrigados estão sendo acolhidos em um hospital da região.

Em seis horas choveu 260 milímetros, mais do que o esperado para o todo o mês de fevereiro. A prefeitura decretou estado de calamidade pública.

Para esta quarta-feira (16/2), ainda há previsão de chuva fraca e moderada para a cidade. A recomendação é que as pessoas evitem sair de casa e em caso de emergência ligue para a Defesa Civil pelo 199.

A Secretaria de Estado de Saúde do Rio de Janeiro enviou, na manhã desta quarta-feira (16/2), medicamentos e insumos para as vítimas da tragédia.

O governador do Rio, Cláudio Castro (PL), também já está na cidade. De acordo com ele, oito ambulâncias e 120 bombeiros estão atuando nos resgates.

Da Rússia, o presidente Jair Bolsonaro (PL) prestou solidariedade às vítimas e disse que o governo federal irá ajudar o município. "Fiz várias ligações para os ministros Rogério Marinho (Desenvolvimento Regional) e Paulo Guedes (Economia) para auxílio imediato às vítimas, bem como conversei com o ministro da Defesa, General Braga Neto, que me acompanha na Rússia. Falei também para o governador do Rio, Cláudio Castro, que se encontra na região atingida. Retorno na próxima sexta-feira e, mesmo distante, continuamos empenhados em ajudar ao próximo. Deus conforte aos familiares das vítima", disse.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE