INVESTIGAÇÃO

Assassino do ator Rafael Miguel é preso depois de quase três anos

Empresário não aceitava namoro do artista com a filha de 18 anos. Ele atirou em Rafael Miguel e nos pais do ator em 9 de junho de 2019

Raphael Felice
postado em 16/05/2022 18:39 / atualizado em 16/05/2022 18:43
 (crédito: Polícia Civil - SP)
(crédito: Polícia Civil - SP)

O assassino de Rafael Miguel e dos pais do ator foi preso, nesta segunda-feira (16/5), em São Paulo. Paulo Cupertino Matias matou a família do artista em 9 de junho de 2019 e estava foragido desde então. À época, Rafael tinha 22 anos; o pai dele, João Alcisio Miguel, 52; e a mãe, Miriam Selma Miguel, 50. 

Cupertino fazia parte da lista Difusão Vermelha, da Interpol, e era considerado o criminoso mais perigoso e procurado da capital paulista. A Polícia Civil recebeu a informação de que o assassino de Rafael estaria na cidade de São Paulo e agentes da 6ª Seccional foram investigar.

O homem de 50 anos estava no bairro Jardim Miriam, na Zona Sul da capital paulista. Após ser preso, Cupertino foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) para fazer exame de corpo de delito. Depois, vai para a Divisão de Capturas, onde ficará à disposição da Justiça.

À época do assassinato, Paulo Cupertino Matias não aceitava o namoro da filha Isabela Tibcherani com o artista. Imagens de câmera de segurança revelaram o momento em que ele atira em Rafael Miguel e nos pais.

Paulo Cupertino Matias é acusado por três homicídios duplamente qualificados. Outros dois amigos do empresário são réus na investigação por terem ajudado na fuga.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE