Bilionário

Elon Musk chega ao Brasil sob denúncia de assédio sexual

Denúncia foi feita por comissária de bordo que trabalhava em um jato executivo do bilionário em 2016

Raphael Felice
postado em 20/05/2022 16:34 / atualizado em 20/05/2022 16:34
 (crédito: Reprodução/Instagram)
(crédito: Reprodução/Instagram)

bilionário Elon Musk desembarcou no Brasil nesta sexta-feira (20/5) sob denúncias de assédio sexual a uma comissária de bordo em seu jatinho no ano de 2016. Pelo Twitter, o bilionário afirmou que as acusações “são totalmente falsas” e que o caso foi veiculado com intenção de interferir no processo de compra da rede social.

Musk disse ainda que as denúncias contra ele devem ser vistas sob ótica política, mas que ele seguirá lutando pela “liberdade de expressão”.

“Os ataques contra mim devem ser vistos através de uma lente política — este é o seu manual padrão (desprezível) — mas nada me impedirá de lutar por um bom futuro e seu direito à liberdade de expressão”, disse o homem mais rico do mundo.

Após a denúncia ganhar publicidade, ações de empresas de Musk como a Tesla, caíram 6% no início da tarde desta sexta (20).

Segundo o site de notícias Business Insider, a companhia de foguetes espaciais de Musk, a SpaceX, pagou, em 2018, US$ 250 mil para tentar resolver o caso de assédio sexual denunciado pela comissária que preferiu manter seu nome em sigilo.

Visita ao Brasil

Elon Musk desembarcou hoje no Brasil para discutir sobre conectividade e proteção da Amazônia com o governo brasileiro. Ele conversou com o presidente Jair Bolsonaro, que publicou sobre o encontro no Twitter.

 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE