ACIDENTE

Trinta pessoas são atropeladas em bloco de carnaval em Minas

O acidente aconteceu na noite desta sexta-feira (9/2), em São Gonçalo do Rio Abaixo. Um bloco de rua desfilava na Avenida Central, no Bairro Fonte de Mato

Carro que atingiu ao menos 30 pessoas ficou com a frente amassada e o para-brisa trincado -  (crédito: Reprodução/Redes sociais)
Carro que atingiu ao menos 30 pessoas ficou com a frente amassada e o para-brisa trincado - (crédito: Reprodução/Redes sociais)
postado em 10/02/2024 08:13

Um atropelamento deixou ao menos 30 pessoas feridas durante um bloco de carnaval em São Gonçalo do Rio Abaixo, região Central de Minas. O acidente aconteceu na noite desta sexta-feira (9/2).

Segundo a PM, o motorista do Fiat Pálio envolvido no acidente estava embriagado. A major Laila Brunnela, porta-voz da Polícia Militar, informou que o bafômetro registrou quase três vezes mais álcool no sangue do que o máximo permitido.

Segundo a Polícia Militar (PMMG), o desfile acontecia na Avenida Central, no Bairro Fonte de Mato, quando as vítimas foram atingidas pelo veículo. Duas pessoas em estado grave foram levadas para o Hospital de Pronto Socorro João XXIII, em Belo Horizonte.

As demais vítimas que tiveram ferimentos leves a moderados foram atendidas no Pronto Socorro do município.

A Prefeitura de São Gonçalo do Rio Abaixo emitiu uma nota lamentando o atropelamento. “Estamos comprometidos em oferecer todo o suporte necessário às vítimas deste lamentável incidente. Elas estão recebendo atendimento e estão sob monitoramento no hospital local de São Gonçalo do Rio Abaixo.”

A Secretaria de Saúde do município acrescentou que, devido aos hospitais lotados por casos de dengue, o órgão está atuando para garantir que todas as pessoas que necessitam de remoção sejam transferidas.

“Este trabalho contínuo visa assegurar que, apesar dos desafios, todos os afetados recebam assistência necessária. A Prefeitura reitera seu compromisso em garantir assistência integral a todos os afetados e trabalha incessantemente para prestar o auxílio necessário neste momento difícil”, finaliza a nota.

Os foliões atingidos faziam parte do bloco de rua Makako Loko. Eles estavam concentrados ao entorno de um bar chamado Rei do espetinho e tinham entrado já na Avenida do Contorno seguindo em direção ao Centro para se unir aos demais grupos carnavalescos.

O Fiat Pálio conduzido pelo suspeito apareceu na parte de trás do bloco e atropelou vários que estavam em sua frente. A maioria dos feridos foi atingida da cintura para baixo, alguns com fraturas expostas, segundo o relato de testemunhas.

Revoltados com a brutalidade do ocorrido, os foliões responderam na mesma moeda. Arrancaram o motorista de dentro do veículo e o espancaram até que este perdeu os sentidos.

O carro passou então a ser alvo da revolta dos integrantes do bloco e foi atacado por chutes, pauladas e pedradas.

Militares da Polícia Militar, dos Bombeiros, equipes de socorro médico municipal e bombeiros civis se mobilizaram para atender as vítimas e o motorista e os encaminharam para atendimento médico no Hospital Municipal de São Gonçalo.

  • Depois de o motorista ser agredido o veículo que atropelou os foliões foi destruído por pauladas, pedradas e chutes
    Depois de o motorista ser agredido o veículo que atropelou os foliões foi destruído por pauladas, pedradas e chutes Foto: Reprodução/Redes Sociais
  • Várias equipes militares e civis participaram do socorro das vítimas atropeladas que seguiram para cuidados hospitalares
    Várias equipes militares e civis participaram do socorro das vítimas atropeladas que seguiram para cuidados hospitalares Foto: Reprodução/Redes Sociais
Gostou da matéria? Escolha como acompanhar as principais notícias do Correio:
Ícone do whatsapp
Ícone do telegram

Dê a sua opinião! O Correio tem um espaço na edição impressa para publicar a opinião dos leitores pelo e-mail sredat.df@dabr.com.br