Covid-19: Fiocruz libera 300 mil kits de testes rápidos para o GDF

O material foi doado ao governo local no início de julho, mas aguardava avaliação técnica para ser liberado para uso

Correio Braziliense
postado em 28/07/2020 11:56
 (foto: Breno Esaki/Agência Saúde)
(foto: Breno Esaki/Agência Saúde)

O Instituto Nacional de Controle de Qualidade em Saúde da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) liberou para uso 300 mil kits de testes rápidos para detecção de anticorpos IGM de covid-19. O material foi doado para a Secretaria de Economia do Distrito Federal no início de julho, mas aguardava análise do instituto para liberação da testagem em pacientes.

A análise foi realizada em dois kits, cada um com 50 exames. O laudo mostra que o resultado encontrado pela equipe técnica está de acordo com o declarado pela fabricante, Hecin Scientific. Em 28 amostras clínicas positivas de covid-19, foram encontrados apenas quatro resultados falsos positivos (87,5% de acerto), enquanto 72 amostras negativas também geraram quatro falsos negativos (95,81%).

Esse tipo de teste detecta, em plasma ou soro, anticorpos IgM que são retirados por coleta de sangue. Os pacientes com sintomas gripais poderão procurar uma das 173 unidades básicas de saúde (UBSs) da rede pública, que farão a coleta de sangue. É recomendado que o exame seja realizado a partir do oitavo dia de sintomas, porque os anticorpos são mais detectáveis.

A doação dos testes foi um pedido do governador Ibaneis Rocha (MDB), que determinou à Secretaria de Economia a operacionalização do processo. O valor total do lote é de R$ 8,5 milhões.

*Com informações da Agência Brasília

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação