Atendimento

Sejus lança ação itinerante de acompanhamento para idosos

Ação itinerante conta com médicos, psicólogos e fisioterapeutas para acompanhar pessoas acima de 60 anos. Ação visa cuidar dos idosos que participaram do programa de Hotelaria Solidária

Mariana Machado
postado em 20/08/2020 15:45 / atualizado em 20/08/2020 15:45
Ação visa atender idosos, sobretudo idosos que estiveram hospedados no Brasília Palace Hotel -  (foto: Ed Alves/CB/D.A Press)
Ação visa atender idosos, sobretudo idosos que estiveram hospedados no Brasília Palace Hotel - (foto: Ed Alves/CB/D.A Press)

A Secretaria de Justiça e Cidadania (Sejus-DF) lança, nesta sexta-feira (21/8), o programa Sua Vida Vale Mais, que promete levar atendimento médico, psicossocial, orientação nutricional e fisioterapia aos idosos do Distrito Federal, especialmente os que estiveram hospedados no Brasília Palace Hotel durante a ação Hotelaria Solidária.

Em 22 de julho, o programa foi encerrado e os 300 hóspedes precisaram voltar para casa, depois de três meses isolados. Apenas pessoas com mais de 60 anos de idade, em condição de vulnerabilidade social e sob risco de contaminação participaram. 

A nova iniciativa será itinerante, percorrendo todas as regiões administrativas. Ceilândia será a primeira a disponibilizar os serviços, oferecidos no Céu das Artes, na QNR 2, entre os dias 21 e 28 de agosto, (exceto domingo), das 9h às 17h.

Todos os servidores que farão o atendimento são previamente testados para covid-19. Eles irão trabalhar de máscara, atentos ao uso de álcool em gel 70%, mantendo distanciamento e desinfecção dos espaços. Nenhum idoso é obrigado a participar.

A secretária de Justiça e Cidadania, Marcela Passamani, explica que, além dos serviços, será oferecido um espaço de escuta e acolhimento. "Como eles não podem vir até a Sejus por conta da pandemia, nós vamos até eles. Temos de continuar o atendimento à nossa população, mas com toda a segurança necessária."

O objetivo do atendimento itinerante é contribuir com a qualidade de vida durante o retorno à rotina dos ex-hóspedes do hotel. Segundo a Sejus, durante os 90 dias de hotelaria, eles aprenderam a se proteger contra o novo coronavírus e manter hábitos saudáveis no cotidiano. 

Mesmo após o término do programa, a Sejus mantém o atendimento dos idosos, de forma virtual. Através de grupos em um aplicativo de mensagens, separados por regiões administrativas, psicólogos e assistentes sociais conseguem monitorar e manter contato com os participantes.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação