Pandemia

Primeiras salas de cinema do DF devem reabrir na próxima semana; veja

Apesar de já estarem liberados para funcionar, maior parte dos cinemas e teatros da cidade ainda não tem previsão de volta. Apenas os cinemas Kinoplex decidiram abrir as portas

Celimar de Meneses*
postado em 03/09/2020 19:27
Atividades em cinemas e teatros estavam suspensos desde 14 de março. -  (foto: Wallace Martins/Esp. CB/D.A Press)
Atividades em cinemas e teatros estavam suspensos desde 14 de março. - (foto: Wallace Martins/Esp. CB/D.A Press)

Após a liberação do funcionamento de cinemas e teatros no Distrito Federal, a maior parte dos estabelecimentos ainda estuda como e quando se dará a reabertura. Apenas uma das redes de cinema que atua na capital tem data marcada para retomar as atividades: 10 de setembro.

A Associação Brasileira de Shopping Centers (Abrasce) informou que a data de reabertura dos cinemas e teatros localizados nas dependências dos shopping centers do DF será decidida de maneira individual pelos empreendimentos.

A rede de cinema Kinoplex, que tem salas nos shopping Pátio Brasil, Boulervard, Park Shopping e Terraço Shopping, informou ao Correio que retornará as atividades em suas salas de cinema na próxima quinta-feira (10).

Já a rede Cinemark, com salas de cinema nos shoppings Pier 21 e Iguatemi Brasília, ainda não tem data confirmada para a reabertura de seus complexos e informa que não está se pronunciando sobre o assunto no momento. A diretoria do grupo Itaú Cinema afirma que haverá reunião nessa sexta-feira (4/9) para definir se abrirão as salas.

Teatros também liberados

“Apesar de estar liberado, nós do Dulcina não nos sentimos seguros para voltar”, informou Liana Farias, secretária executiva e produtora executiva do Complexo Cultural Dulcina de Moraes, que não tem data para retorno.

Assim como o Dulcina, o teatro Sesc Garagem ainda não definiu quando voltará com as atividades. Já o Teatro dos Bancários está em processo de reforma, com previsão de conclusão para a semana que vem, mas não se sabe ainda se o espaço voltará a funcionar depois disso.

Regras para a retomada

O decreto editado pelo Governo do Distrito Federal exige que se sigam normas preventivas, como disponibilização de álcool em gel, obrigatoriedade de máscaras, limpeza constante dos aparelhos de ar condicionado das salas, higienização das cadeiras entre as sessões e alternância entre fileiras ocupadas e fileiras vazias.

Em junho, o GDF liberou as atividades de cinema e teatro em estacionamentos, no entanto, é a primeira vez desde 14 de março, quando as medidas de prevenção ao coronavírus começaram, que se pode frequentar esses espaços fora do carro.

 

 

*Estagiário sob supervisão de Mariana Niederauer

 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação