Turismo

Turistas lotam pousadas disponíveis em Alto Paraíso e Pirenópolis no feriado

Capacidade máxima de ocupação das hospedagens de Alto Paraíso e Pirenópolis foi reduzida e todas as liberadas para funcionamento estão ocupadas. A medida tem como objetivo evitar aglomerações e prevenir contágios por covid-19

Tainá Seixas
Sarah Peres
Ed Alves
postado em 05/09/2020 21:43
 (foto: Ed Alves/CB/D.A Press)
(foto: Ed Alves/CB/D.A Press)

O feriado prolongado é receita certa para aquela escapadinha dos brasilienses às cidades turísticas próximas. Apesar da covid-19, os municípios de Alto Paraíso e Pirenópolis, ambos em Goiás, reabriram suas atividades econômicas para turistas em agosto e estão com hospedagens lotadas neste feriado do 7 de Setembro.

De acordo com a prefeitura de Alto Paraíso, localizado na Chapada dos Veadeiros, não há mais nenhuma vaga disponível em pousadas da região. Das 150 existentes, apenas 45 estão autorizadas a funcionar, seguindo os protocolos de segurança estabelecidos em decreto municipal que determina apenas 50% de lotação.

Há, também, limitações no número de clientes em bares e restaurantes. A expectativa da prefeitura é de que cerca de 8 mil turistas visitem Alto Paraíso neste feriado. Em outros anos, a média era de 20 mil pessoas.

Os turistas são abordados por servidores da Secretaria de Saúde logo na entrada da cidade. Os agentes de vigilância aferem a temperatura de cada pessoa, perguntam quanto tempo vão ficar e onde se hospedarão.

Apenas 10 atrações turísticas estão funcionando na região. Entre elas, estão o Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros, a cachoeira dos Cristais, o Vale da Lua, as cachoeiras loquinhas, a cachoeira do Segredo, a cachoeira do Abismo e o Poço Encantado, localizado na divisa com o município Teresina de Goiás.

Neste sábado, os comércios estavam abertos, mas a cidade não estava lotada, como ocorria em feriados como este, antes da pandemia. Nem todos os estabelecimentos conseguiram autorização para retomar a atividade, pois não conseguiram cumprir os protocolos sanitários. Por isso, seguem fechados.

Proteção

Além de funcionarem apenas até metade da capacidade, os estabelecimentos devem disponibilizar de álcool em gel para clientes, uso de equipamentos de proteção individual (EPIs), uso de máscaras pelos clientes e agendar horários para atendimento. Em São Jorge, vila dentro do município de Alto Paraíso, a comunidade fixou placas pedindo aos turistas usem a máscara para evitar a transmissão do vírus a moradores da área.

O Hospital Municipal da região tem uma equipe específica para atender casos de suspeita de covid-10 e uma área reservada para esses atendimentos. São, no entanto, apenas três respiradores disponíveis para transportarem casos mais graves aos hospitais de referência mais próximos: Formosa, Brasília ou Goiânia.

Pirenópolis

Em Pirenópolis, há 300 pousadas, mas apenas 75% estão liberadas para receber turistas, devido às medidas de segurança contra a covid-19 estabelecidas no município. Neste sábado (5/9), todas as vagas já estavam ocupadas.

Segundo a secretária de Saúde do município, Luciana Rodrigues, as normas de segurança sanitária serão cobradas por meio de força-tarefa integrada por profissionais da área, em conjunto com a prefeitura, a Secretaria de Meio-ambiente e a Polícia Militar de Goiás.

“Nosso objetivo é garantir que as normas sejam cumpridas pelos turistas, assim como a população local. Para evitar a disseminação da covid-19, também tomamos medidas preventivas. Por exemplo, todo o setor de bares e restaurantes só poderá funcionar com 50% das mesas, para evitar o contágio. Também qualificamos todo o meio de hospedagem e outras áreas de atuação para manter a segurança local”, explica Luciana Rodrigues.

Por fim, a secretária destaca que o setor da saúde está “voltado para o atendimento de possíveis infectados pelo novo coronavírus. O centro gripal da cidade está com funcionamento exclusivo para esses casos, com possibilidade de testagem por PCR e isolamento das pessoas com diagnósticos positivos para a doença.”

  • Comunidade de São Jorge pede que turistas e moradores usem máscaras
    Comunidade de São Jorge pede que turistas e moradores usem máscaras Foto: Prefeitura de Alto Paraíso/Divulgação
  • Comunidade de São Jorge pede que turistas e moradores usem máscaras
    Comunidade de São Jorge pede que turistas e moradores usem máscaras Foto: Prefeitura de Alto Paraíso/Divulgação
  • Comunidade de São Jorge pede que turistas e moradores usem máscaras
    Comunidade de São Jorge pede que turistas e moradores usem máscaras Foto: Prefeitura de Alto Paraíso/Divulgação
  • Comunidade de São Jorge pede que turistas e moradores usem máscaras
    Comunidade de São Jorge pede que turistas e moradores usem máscaras Foto: Prefeitura de Alto Paraíso/Divulgação
  • Turistam enchem as ruas de Alto Paraíso neste feriado
    Turistam enchem as ruas de Alto Paraíso neste feriado Foto: Ed Alves/CB/D.A Press
  • Agentes de saúde aferem a temperatura de visitantes, na entrada da cidade
    Agentes de saúde aferem a temperatura de visitantes, na entrada da cidade Foto: Ed Alves/CB/D.A Press
Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação