BICHOS

Companhia na quarentena e na vida: 15 cães aguardam adoção na Zoonoses

Para adotar um dos cachorros, é necessário assinar termo de responsabilidade que prevê cuidados básicos de saúde e higiene, além de se comprometer a tomar conta do animal por toda a vida

Correio Braziliense
postado em 08/09/2020 20:44
 (foto: Geovana Albuquerque/Agência Saúde DF)
(foto: Geovana Albuquerque/Agência Saúde DF)

O canil da Gerência de Vigilância Ambiental de Zoonoses, da Secretaria de Saúde, está com 15 cães disponíveis para adoção. Os bichinhos, machos e adultos, aguardam um novo lar e podem ser uma boa opção para quem está se sentindo sozinho durante a quarentena.

Os cães estão plenamente saudáveis e foram vacinados e testados para leishmaniose. Para fazer a adoção, os interessados devem comparecer à Diretoria de Vigilância Ambiental, localizada no Noroeste, entre as 11h e 17h. Além disso, é necessário ter mais de 18 anos, apresentar documento de identificação com foto e assinar um termo de responsabilidade em que se compromete a cuidar bem do animal.

Ao assumir a responsabilidade de acolher o cão, o adotante recebe as orientações necessárias quanto à guarda responsável de animais domésticos e medidas de prevenção e controle de doenças, como manter o ambiente do animal limpo e dar carinho e atenção para toda a vida, além de ter cuidados básicos de saúde animal.

É necessário, também, aplicar as vacinas, administrar vermífugo e remédios contra pulga, carrapato e repelente de flebótomo, o mosquito transmissor da leishmaniose visceral canina.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação