Homicídio

Polícia identifica um dos suspeitos de assassinar professor dentro de casa

O acusado, no entanto, ainda não foi capturado. Assassinato foi presenciado pelo pai da vítima

Darcianne Diogo
postado em 17/09/2020 19:32
 (crédito: Reprodução/Redes Sociais)
(crédito: Reprodução/Redes Sociais)

Investigadores da 33° Delegacia de Polícia (Santa Maria) identificaram um dos suspeitos de assassinar o professor Adailton Jorge, de 33 anos, na manhã desta quinta-feira (17/9), em Santa Maria.

O acusado, ainda não capturado, é um dos moradores da região. Em entrevista ao Correio, o delegado-adjunto da 33° DP, Paulo Fortini, afirmou que Adailton saiu à noite para se divertir com amigos e passou a madrugada com eles. "A gente apura que os envolvidos no assassinato estavam no mesmo local que a vítima e, de repente, passaram a desconfiar de que Adailton tivesse pegado o celular de um deles, mas não foi isso que ocorreu", detalhou.

De acordo com o delegado, os suspeitos também moram na região e, por várias vezes, foram até a casa de Adailton questioná-lo sobre o sumiço do aparelho. O professor chegou a pedir aos homens para revistar o carro dele. Um deles foi identificado e, segundo o investigador, há a possibilidade de adolescentes estarem envolvidos no crime. A morte, conforme apurado pelo Correio, foi presenciada pelo pai da vítima.

O professor foi homenageado pelos amigos e estudantes nas redes sociais nesta quinta-feira. Amigos também compareceram à residência da vítima para prestar solidariedade à família.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação